...
||MOBILE|RSS
RSS
+-TEXTO
AVALIAR
Dinheiro Vivo

Por Dinheiro Vivo

PUB
Só no ano passado 10.622 trabalhadores optaram pela aposentação com penalizações.

Função Pública: Corrida nunca vista à reformas antecipadas

11/01/2012 | 07:58 | Dinheiro Vivo

Mais de 23 mil funcionários da Adminitração Pública reformaram-e no ano apssado, sendo que quase metade o fez antecipando a idade legal e sofrendo, por isso, um penalização na pensão. Segundo o Diário Económico (DE), foi o ano com mais solicitações de sempre, com as mudanças legislativas dos últimos anos e a incerteza face ao futuro a constituírem os principais motivos da corrida às reformas.

 

De acordo com o DE, nem a penalização de 6% prevista na lei para cada ano de antecipação parece ter desmotivado muitos trabalhadores da Função Pública a irem para reforma, muito embora, diz o DE, o Ministério das Finanças não tenha disponibilizado dados sobre a penalização média verificada em 2011. Em 2010 tinha sido à volta dos 14%.

Assim, em 2011, 10.622 trabalhadores da Administração Pública optaram pela reforma antecipada. É o valor mais alto registado desde que em 2002 a Caixa Geral de Aposentações passou a divulgar estas informações.

É o valor mais alto registado desde que a Caixa Geral de Aposentações divulga estes dados.

Comentar

Se está registado, faça Login

Perdeu a password?Se não tem conta,REGISTE-SE AQUI

Nota: Os comentários deste site são publicados sem edição prévia e são da exclusiva responsabilidade dos seus autores. Conheça as Regras de Comunidade e Termos de Uso.

A Carregar...
Slideshows