...
||MOBILE|RSS
RSS
+-TEXTO
AVALIAR

Por Luís Reis Ribeiro e Miguel Pacheco

PUB
Alarme. Dívida local duplicou em 2011. Finanças estão preocupadas e querem agir. Autarcas dizem que Governo “nunca” levantou a questão

Vítor Gaspar insiste na redução de municípios

Chefe de missão da Comissão e ministro das Finanças
Troika regressa amanhã a Portugal
Thomas Meyer
28/03/2012 | 19:25 | Dinheiro Vivo

A reforma do sector local tem de passar pela redução do número de câmaras e não só de freguesias, defende o ministro das Finanças no resumo da terceira avaliação do programa da troika, que será conhecida na íntegra na próxima semana.

No curto documento (24 páginas) enviado ao Parlamento, a que o Dinheiro Vivo teve acesso, Vítor Gaspar faz questão de incluir a questão das câmaras: “está em curso e segue a estratégia apresentada no documento verde [da reforma administração local]”  assente “na (re)organização do território - onde se revê o número de freguesias e de municípios”.

Gaspar apresenta hoje o orçamento retificativo de 2012. Uma das ajudas para cumprir as metas do défice é a reorganização do mapa das freguesias, já em andamento e com metas para a redução do número de unidades. É a primeira fase da reforma administrativa. Muitos dirigentes das freguesias têm reagido mal às propostas Ao todo, há 4.259 freguesias em Portugal.

O caso das 308 câmaras, como já explicou Miguel Relvas, o ministro que tutela a reforma do poder local, ficará para uma segunda fase. Por isso não existem ainda metas estabelecidas.

Do lado de Vítor Gaspar não será bem assim. É preciso fazer alguma coisa rapidamente. Um dos indicadores mais problemáticos é o nível de endividamento. A dívida bruta das câmaras e empresas municipais mais do que duplicou em 2011, bem acima dos 14% a mais no stock de dívida da República. Em 2011 a dívida local rondará 12 mil milhões, disse Miguel Relvas, recentemente.

Gaspar quer avançar com mais esta medida de consolidação que resultará numa redução de funcionários, de despesa corrente e de endividamento. Uma ajuda inestimável à redução do défice público nos próximos anos.

Ministério de Miguel Relvas sempre focou a reforma nas freguesias. Gaspar traz os municípios para a ribalta

Comentar

Se está registado, faça Login

Perdeu a password?Se não tem conta,REGISTE-SE AQUI

Nota: Os comentários deste site são publicados sem edição prévia e são da exclusiva responsabilidade dos seus autores. Conheça as Regras de Comunidade e Termos de Uso.

A Carregar...
Opinião&Blogs
António Perez Metelo40 anos
Por António Perez Metelo
01:00
Netos do 25 de Abril  Por Pedro Bidarra
01:00
01:00
O falso problema do Brasil  Por João Almeida Moreira
Slideshows