...
||MOBILE|RSS
RSS
+-TEXTO
AVALIAR
Dinheiro Vivo

Por Dinheiro Vivo

PUB
Há cada vez menos investimento em certificados de aforro, mas o Estado apresenta outras opções igualmente rentáveis

Como ganhar dinheiro com o Estado em 2012

dddd
Investimento em aforro caiu em 2011
D.R.
26/12/2011 | 12:30 | Dinheiro Vivo

Os portugueses estão cada vez mais a tirar dinheiro dos certificados de aforro. No entanto, existem vários produtos do Estado que são, igualmente rentáveis. Questionado pelo Dinheiro Vivo, o analista técnico da WorldSpreads, Luís Correia Tavares, responde a várias perguntas e revela onde poderá colocar as suas poupanças.

Como é que os investidores podem ganhar dinheiro com o Estado? E é rentável?   

Existem várias formas de os investidores ganharem dinheiro com o estado, não é mais do que adquirirem títulos ou obrigações, que consistem no fundo num empréstimo concedido ao estado por estes investidores.

A rentabilidade é inferior á obtida por outros produtos de maior risco, no entanto, face á conjuntura actual, emprestar dinheiro ao estado, não deixa de ser um risco. Mas, não é menos verdade, que segundo a historia, desde 1890, que o estado Português (Tesouro) não tem falhado a nenhum dos seus compromissos, no que respeita a este tipo de produtos.

Quanto à rentabilidade dos mesmos (Obrigações do Tesouro), resulta mais atractivo os de curto prazo pela sua liquidez e pelo menor tempo de exposição, dado que os de curto prazo que vencem em 2012, ainda se poderá dizer que terão a protecção da Troika, enquanto que os que vencem em 2013, terá que ser o próprio estado Português a encontrar uma forma de os pagar.

Prever o futuro no presente, resulta um pouco complicado, mas para este instrumento de curto prazo, resulta mais atractivo que a própria bolsa em si, onde temos um saldo anual negativo para o índice do PSI-20. Outra coisa diferente, seria a de se escolher uma acção isolada, com a possibilidade de obter um maior rendimento, embora com muito maior risco.

Títulos da dívida portuguesa chegam a pagar 7% ao ano.

Comentar

Se está registado, faça Login

Perdeu a password?Se não tem conta,REGISTE-SE AQUI

Nota: Os comentários deste site são publicados sem edição prévia e são da exclusiva responsabilidade dos seus autores. Conheça as Regras de Comunidade e Termos de Uso.

A Carregar...
Slideshows