...
21/10/2014 | 04:41 | MOBILE | RSS
RSS
+-TEXTO

Por Peter Wensierski

PUB
Franz-Peter Tebartz-van Elst, 52 anos, tem uma vida luxuosa. Muitos já acreditam que os seus dias como bispo de Limburg estão contados

Tebartz-van Elst: O bispo alemão que gasta aos milhões

30/08/2013 | 23:00 |  Dinheiro Vivo

Se existe hoje em dia um lugar na Alemanha associado à rebelião, é sem dúvida a cidade de Limburg, onde até os católicos mais pios protestam contra o líder regional da Igreja, o bispo Franz-Peter Tebartz-van Elst. Há anos que o bispo é alvo de críticas por viver rodeado de luxo ao mesmo tempo que exalta as virtudes da pobreza e da humildade. Acima de tudo, porém, ele tornou-se um símbolo de uma Igreja Católica que viu os seus membros reduzirem-se rapidamente na Alemanha, no seguimento de uma série de escândalos que abalaram a fé pública na instituição religiosa.

Tebartz-van Elst já foi acusado de mentir, ser narcisista e esbanjar o dinheiro da Igreja nas suas extravagâncias. Neste momento, quase todas as semanas surgem novas acusações contra o bispo e até pastores veteranos do conselho de sacerdotes de Limburg estão fartos. "Embora eu ame a Igreja Católica, com todas as pessoas maravilhosas que nela trabalham", disse um deles segunda-feira, "não posso deixar de ficar zangado, desapontado e indignado por aquilo que estamos a viver neste momento. Não se trata apenas de um indivíduo, mas também das estruturas existentes no seio da Igreja Católica. Estas precisam de ser mudadas de uma vez por todas, e talvez os incidentes trágicos dentro da nossa diocese forneçam o ímpeto para o fazermos".

O modo de vida do esbanjador bispo de Limburg deverá ditar a sua resignação nas próximas semanas

Opinião&Blogs
Como lidar com um colega intragável
Por  Joana Petiz
17:23
Deixem-nos trabalhar   Por  Ricardo Reis
00:10
Há uma nova luz na saúde   Por  Tiago Figueiredo Silva
00:00
Eles falam sozinhos   Por  João Adelino Faria
Slideshows