...
29/07/2014 | 23:52 | MOBILE | RSS
RSS
+-TEXTO

Por Dinheiro Vivo | Lusa

PUB
O líder do Bloco de Esquerda quer que a empresa faça descontos de 50% nos produtos em que tem lucros de 75% e 80%

Louça desafia Pingo Doce a fazer descontos nos produtos onde tem mais lucros

05/05/2012 | 17:27 |  Dinheiro Vivo

O coordenador do Bloco de Esquerda (BE), Francisco Louça, desafiou hoje o presidente da Jerónimo Martins, Alexandre Soares dos Santos, a fazer descontos de 50% nos produtos em que o Pingo Doce "tem margens de lucro de 80 e 75%".

"Quero deixar um desafio ao senhor Soares dos Santos: se ele quer ser levado a sério pelas pessoas que sabem quanto lhes custa pagar aquilo que é essencial para a alimentação dos seus filhos e dos seus, pois então que faça um desconto de 50% em todos aqueles produtos em que já sabemos que ele tem margens de lucro de 80 ou de 75%", disse no final de uma reunião da Mesa Nacional do partido.

O líder bloquista defendeu que é preciso acabar com "margens de 75 e 80%" que permitiram "fazer demagogia com promoções por um dia": "Nesses bens, onde a margem é tão grande, então ele que faça 365 dias por ano esse desconto de 50% com o qual está tão confortável para pessoas que vivem com tantas dificuldades".

Louçã revelou depois que, na sequência desta campanha do Pingo Doce, o BE vai reapresentar na Assembleia da República uma proposta para "fixar margens, regras e contratos entre os distribuidores e produtores e para proteger produtos essenciais". "Tem de deixar de existir esta ditadura da grande distribuição", defendeu.

O Bloco de Esquerda vai ainda reapresentar no Parlamento uma proposta para acabar com "a ditadura da grande distribuição"

Opinião&Blogs
Esta apanhou-me na curva
Por  Ana Rita Guerra
00:00
O risco da improbabilidade   Por  Sílvia de Oliveira
02:46
Dignidade   Por  João Adelino Faria
02:42
É sempre a subir   Por  Ricardo Reis
Slideshows
Judeus e Árabes "recusam-se...