...
02/08/2014 | 03:25 | MOBILE | RSS
RSS
+-TEXTO

Por Dinheiro Vivo

PUB
O ex-ministro das Finanças sabe que agora é altura para austeridade e diz que "é necessário fazer uma escolha".

"Não podemos reduzir défice e promover o crescimento ao mesmo tempo", diz Teixeira dos Santos

25/10/2011 | 15:51 |  Dinheiro Vivo

Para Teixeira dos Santos e "na economia portuguesa não podemos pensar que é possível ter uma política orçamental capaz de reduzir défice e ao mesmo tempo ter uma política que promova o crescimento"

O ex-ministro das Finanças sabe que agora é altura para austeridade e diz que "é necessário fazer uma escolha."

"Se se adoptasse uma postura expansionista, gastando mais por exemplo, íamos ter um agravamento do défice e a banca não ia ter dinheiro para nos financiar. Agora temos de recuperar as finanças publicas."

Admite que "medidas de estímulo neste momento não me parecem positivas." E diz que apenas ia obrigar o mercado a retrair-se.

Reitera, "não é possível pensar que estamos em condições de praticar uma política expansionista".

Na opinião de Teixeira dos Santos, o ex-ministro das Finanças não está em condições de assumir políticas expansionistas

Opinião&Blogs
O lado bom de encolher a vida
Por  Sílvia de Oliveira
00:00
Banqueiros responsáveis   Por  Ricardo Reis
00:00
Bem-vindos a bordo!   Por  João Adelino Faria
00:00
O escaldão na Bolsa   Por  Tiago Figueiredo Silva