Saúde recebe menos e défice aumenta para 74 milhões de euros

O saldo da execução financeira do Serviço Nacional de Saúde (SNS) piorou de forma significativa no primeiro trimestre deste ano. A receita foi a principal responsável, tendo neutralizado as poupanças na despesa.

Segundo a execução orçamental, hoje divulgada, o défice da Saúde foi de 74 milhões de euros, “representando uma deterioração de 81 milhões de euros face a março de 2011”.

“Este resultado reflete uma redução da receita mais expressiva do que a ocorrida na despesa, tendo o decréscimo das transferências do Orçamento do Estado sido mais acentuado do que a diminuição da despesa com subcontratos”, diz a Direção-Geral do Orçamento.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Robin Wright, fotografada por Peter Lindbergh. Fotografia: D.R.

Pirelli. O calendário volta a surpreender

Autoridade Tributária e Aduaneira.  Fotografia: José Carlos Pratas/Global Imagens

Termina hoje o prazo para IRS. Mas e se não receber reembolso?

francesinha IKEA

IKEA. E os suecos renderam-se à francesinha

Fotografia: Tim Wimborne/Reuters

A partir de hoje há novas regras sobre neutralidade de rede

Os 22 melhores hotéis portugueses por menos de 120 euros

22 hotéis portugueses que tem mesmo de visitar

fotografia: REUTERS/Thomas Peter

Como aumentar qualidade e eficiência num só passo

Conteúdo Patrocinado
Saúde recebe menos e défice aumenta para 74 milhões de euros