Banif

Banif. Draghi remete responsabilidades para Banco de Portugal

Mario Drgahi Foto:
REUTERS/Yves Herman
Mario Drgahi Foto: REUTERS/Yves Herman

Presidente do BCE afasta responsabilidade na supervisão da instituição financeira que cabia ao Banco de Portugal

O presidente do Banco Central Europeu (BCE), Mario Draghi, afastou hoje qualquer responsabilidade sobre o que aconteceu com o Banif. Numa carta, o responsável remeteu todas as responsabilidades para o Banco de Portugal.

Numa carta enviada ao eurodeputado do CDS, Nuno Melo, o presidente da autoridade monetária começa por salientar que “durante os anos do programa de ajustamento económico de Portugal, o Banif estava sob supervisão direta do Banco de Portugal”.

“Além disso, durante todo o período do programa, o BCE não foi incumbido qualquer tarefa específica no que diz respeito a políticas de supervisão prudencial a instituições de crédito”, explica Draghi.

Isto porque a partir de novembro de 2014, com a entrada em funções do Supervisor Único, “o Banif foi considerada uma ‘instituição menos significativa’ e, por esse motivo, continuou sob a supervisão direta da autoridade nacional competente, o Banco de Portugal”, acrescenta o presidente do BCE.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
(Gustavo Bom / Global Imagens )

Englobamento agrava IRS para rendimentos ‘protegidos’ pelo mínimo de existência

(Gustavo Bom / Global Imagens )

Englobamento agrava IRS para rendimentos ‘protegidos’ pelo mínimo de existência

Salvador de Mello
( Álvaro Isidoro / Global Imagens )

Saúde não pode andar “ao sabor de ventos políticos”

Outros conteúdos GMG
Banif. Draghi remete responsabilidades para Banco de Portugal