Imobiliário

BCP vende edifício de escritórios no Tagus Park por 6,4 milhões

Fotografia: António Pedro Santos / Lusa
Fotografia: António Pedro Santos / Lusa

Edifício está ocupado pelo banco, que prevê manter-se como arrendatário pelo menos até ao primeiro semestre de 2021.

O Millennium BCP está a vender um dos edifícios de escritórios que detém no Tagus Park, em Oeiras. Segundo o suplemento de imobiliário do jornal Público desta quarta-feira, o banco está a aceitar ofertas pelo imóvel até 28 de fevereiro e pede 6,4 milhões de euros.

De acordo com a publicação, o edifício tem 3400 metros quadrados de escritórios, três pisos e 3800 metros quadrados de estacionamento, estando situado num lote de terreno isolado do parque empresarial de Oeiras.

O objetivo do BCP é vender o edifício mas manter os serviços do banco a funcionar no local até, pelo menos, ao primeiro semestre de 2021. O BCP propõe ficar como arrendatário do espaço, estando disponível para pagar uma renda mensal de 30 mil euros, “com um contrato de prazo nunca inferior a 30 meses”, proporcionando um juro próximo dos 6%, afirma Ramiro Gomes, responsável da Direção de Crédito Especializado e Imobiliário do banco, citado pela mesma publicação.

O responsável acrescenta que o BCP está disponível para financiar a compra do imóvel a potenciais interessados “com condições mais favoráveis e comissões mais reduzidas”.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Acionistas do Millennium BCP à chegada para a assembleia-geral anual, nas instalações do banco no Taguspark, em Oeiras, 22 de maio de 2019. ANTÓNIO PEDRO SANTOS/LUSA

Acionistas do BCP aprovam dividendos e compensação de trabalhadores

(Leonardo Negrão / Global Imagens)

Comissão de Trabalhadores exige integração da EMEF na CP

Novo Banco. Foto: REUTERS/Rafael Marchante/File Photo

Call-center no Novo Banco passa a ser externo. Trabalhadores saem do banco

Outros conteúdos GMG
BCP vende edifício de escritórios no Tagus Park por 6,4 milhões