BPI

CaixaBank: BPI precisa de 215 milhões para rácios e vai pagar caro por dívida

Fotografia: Paulo Duarte / Global Imagens
Fotografia: Paulo Duarte / Global Imagens

Reforço de capitais do BPI para níveis em linha com média ibérica terá "impacto negativo na rentabilidade" tal como o custo da emissão de dívida

Segundo as contas apresentadas pelo CaixaBank no prospeto relativo à oferta pública de aquisição sobre o BPI, o banco português precisa de aumentar o seu capital em 215 milhões de euros para atingir um rácio de solidez em linha com os pares ibéricos.

“De acordo com os cálculos realizados pelo Oferente, o BPI necessitaria de aumentar o seu capital CET1 [Common Equity Tier 1] em €215 milhões para alcançar um rácio de capital CET1 de 11,9% (rácio médio dosseus pares ibéricos), o que teria um impacto negativo na rentabilidade doméstica do BPI”, lê-se no prospeto, no capítulo onde os catalães tentam justificar o preço oferecido.

Mas este reforço dos rácios não é a única ameaça que pende sobre a rentabilidade doméstica do BPI, diz o grupo CaixaBank. Segundo as contas dos catalães, “o custo da emissão de dívida subordinada que o BPI tem previsto realizar para cumprir os rácios de capital resultantes do exercício de SREP [Supervisory Review and Evaluation Process], será alto. “Tal terá impacto significativo nos resultados do BPI”.

O BPI conta emitir 350 milhões de euros em dívida subordinada, algo que para o CaixaBank apresentará “um custo estimado de emissão de 8%-10%” que, em conjunto com o IRC de 29,5%, eleva “o custo estimado anual após impostos desta emissão” para os 21 a 26 milhões de euros, ou seja “28% dos resultados domésticos do BPI em 2015”.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Teste - Redação DV

Liberdade e sustentabilidade dos media, com ou sem apoio do governo?

Regime dos residentes não habituais garante isenção de IRS a quem recebe pensões do estrangeiro.
(Reinaldo Rodrigues/Global Imagens)

Primeiros 18 residentes não habituais prestes a perder benefício

Miguel Albuquerque, do PSD Madeira.

Projeção. PSD perde maioria absoluta na Madeira

Outros conteúdos GMG
CaixaBank: BPI precisa de 215 milhões para rácios e vai pagar caro por dívida