CGD

CGD: Maria João Carioca vai integrar equipa de Paulo Macedo

Maria João Carioca regressa à CGD oito meses depois de ter saído para substituir Luís Laginha de Sousa na bolsa nacional

A presidente da Euronext Lisboa, Maria João Carioca, vai regressar à Caixa Geral de Depósitos. A notícia é avançada esta sexta-feira pelo Jornal Económico e foi confirmada pelo Dinheiro Vivo.

Fonte oficial da Euronext Lisboa não comenta a saída da presidente da bolsa para a gestão do banco público, nem quem será o seu substituto.

Maria João Carioca regressa à CGD seis meses depois de ter saído para substituir Luís Laginha de Sousa na bolsa nacional.

A ainda presidente da Euronext chegou à CGD em 2013 onde foi membro da Comissão Executiva do banco do Estado, na altura sob a alçada de José de Matos, sendo responsável pelas áreas de tecnologias e informação, operações, marketing e organização.

“É uma grande profissional, já o disse quando ela antes saiu da CGD, trabalhei com ela e é uma gestora séria e competente”, comenta Nuno Fernandes Thomaz, ex-vice-presidente da CGD.

A ‘escola’ que Maria João Carioca tem quer da CGD quer da McKinsey fazem dela uma gestora reconhecida pela sua competência, afiança uma outra fonte ligada ao mercado de capitais, em Portugal. Na Caixa, a líder teve responsabilidades na comissão executiva em áreas importantes para o funcionamento do banco, como o back office e marketing, departamentos igualmente vitais para dar suporte ao que se conhece das medidas do plano de restruturação.

Macedo recruta nas Finanças

Maria João Carioca não é a única novidade na equipa de Paulo Macedo. Nuno Martins também vai integrar a gestão do banco público, segundo informação avançada pelo jornal online ECO e confirmada pelo Dinheiro Vivo.

Nuno Martins é quadro do ministério das Finanças, atualmente adjunto do Secretário de Estado do Tesouro, e leva consigo grande experiência da banca de investimento, uma vez que chegou a fazer parte do Citigroup.

“Ao lado de José João Guilherme, também com experiência de banca, quer no BCP quer no Novo Banco, farão uma equipa técnica de suporte importante para Paulo Macedo”, comenta fonte da banca em conversa com o Dinheiro Vivo.

Além de Maria João Carioca e Nuno Martins, a equipa de Paulo Macedo e de Rui Vilar deverá contar com José João Guilherme, ex-quadro do Millennium BCP, e ainda Stephen Morais, administrador da Caixa Capital, e Paulo Henriques, administrador do Caixa BI, como avançou o Dinheiro Vivo na semana passada.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Estações do Metro do Porto não têm cancelas, o que dificulta o controlo da validação dos passes. ( Igor Martins / Global Imagens )

Metro do Porto e Carris reforçam fiscalização em ano de novos passes

Fotografia: Diana Quintela/Global Imagens

Bancos que ajudaram Concorrência mais vulneráveis a pedidos de indemnização

Foto: REUTERS/Leah Millis

“Zuck está sentado em montanha de dados pessoais”. E segue-se “mudança radical”

Outros conteúdos GMG
CGD: Maria João Carioca vai integrar equipa de Paulo Macedo