banca

CGD vai investir 200 milhões na transformação digital

Maria João Carioca, administradora da CGD e responsável pelo plano de transformação digital. 
(Filipe Amorim / Global Imagens)
Maria João Carioca, administradora da CGD e responsável pelo plano de transformação digital. (Filipe Amorim / Global Imagens)

Banco público está a recrutar data analysts, especialistas em risco, pessoas para negócios e funções de controlo.

A Caixa Geral de Depósitos (CGD) prevê um investimento de 200 milhões de euros ao longo de cinco anos na digitalização do banco. Em entrevista ao Jornal de Negócios, Maria João Carioca, administradora do banco estatal, adiantou, no entanto, que o processo não se irá traduzir no encerramento de mais balcões ou na saída de colaboradores.

“Pensámos sempre na transformação para ser muito inclusiva. Não somos todos millenialls e um banco que serve tantos milhões de portugueses tem desde o jovem, que efetivamente não lhe passa pela cabeça ir a uma agência, à pessoa mais idosa”, referiu. “A ideia da transformação é dar a todos opções adicionais na maneira como se relacionam com o banco.”

Dos 200 milhões de euros, Maria João Carioca, esclarece que 50 milhões estão destinados à “transformação do negócio puro e duro” a curto prazo e que o restante destina-se à “transformação como um todo”.

“O digital não vai despedir mais pessoas. O digital põe as equipas a trabalharem de uma forma muito mais inteligente e em coisas que são de muito maior valor acrescentado para o cliente.” A também responsável pelo processo de digitalização adianta que o banco público está a recrutar data analysts, especialistas em risco, pessoas para negócios e funções de controlo.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
(FOTO: Lisa Soares/GI)

Idade média da reforma no privado no valor mais alto em 20 anos

O ex-secretário de Estado da Energia, Artur Trindade

EDP e ex-secretário de Estado vão ser constituídos arguidos

Peter Wilhelm

“Diminuição significativa das rendas pode provocar efeito dominó” na banca

CGD vai investir 200 milhões na transformação digital