CMVM denunciou suspeitas sobre Ricciardi e Morais Pires a dois meses da prescrição

ng3482716

O caso de suspeitas de abuso de informação privilegiada à volta da compra de acções da EDP pela BES/Vida esteve à beira da prescrição. Isto, porque a Comissão de Mercados e Valores Mobiliários (CMVM) apenas comunicou as suspeitas ao Ministério Público em Novembro de 2012, quando os factos em causa remontam a janeiro de 2008.

Segundo o Código dos Valores Mobiliários, a prescrição ocorre ao fim de cinco anos. Ontem, o Departamento de Investigação e Acção Penal de Lisboa acusou três quadros do Banco de Espírito Santo, arquivando as suspeitas contra Amílcar Morais Pires, antigo número dois do BES, e José Maria Ricciardi, presidente do Banco Espírito Santo Investimento (BESI).

Segundo o despacho de acusação, a que o Dinheiro Vivo teve acesso, nos dias 23, 24, 29, 30 e 31 de Janeiro houve uma série de compras de acções da EDP, que contrariaram uma tendência verificada até então, a qual passava pelo BES a vender acções à elétrica. Recorde-se que a EDP anunicou, a 31 de janeiro de 2008, a intenção de colocar a EDP/Renováveis em Bolsa. Segundo o Ministério Público, em resultado desse alegado abuso de informação privilegiada, o BES terá obtido uma mais-valia de 5,9 milhões de euros, valor que o DIAP de Lisboa requer que, após uma eventual condenação que transite em julgado, seja declarado perdido a favor do Estado.

Em declarações ao Dinheiro Vivo, Rui Patrício, advogado que, juntamente com Tiago Félix da Costa, representa os arguidos acusados e os dois arquivados, disse ter recebido “com agrado” a decisão de arquivamento relativa a Morais Pires e José Maria Ricciardi.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
Ilustração: Vítor Higgs

Indústria têxtil em força na principal feira de Saúde na Alemanha

O Ministro das Finanças, João Leão. EPA/MANUEL DE ALMEIDA

Nova dívida da pandemia custa metade da média em 2019

spacex-lanca-com-sucesso-e-pela-primeira-vez-a-nave-crew-dragon-para-a-nasa

SpaceX lança 57 satélites para criar rede mundial de Internet de alta velocidade

CMVM denunciou suspeitas sobre Ricciardi e Morais Pires a dois meses da prescrição