ESFG passa a deter 27,5% do BES e o Crédit Agricole 20% após extinção da BESPAR

Ricardo Salgado
Ricardo Salgado

A BESPAR, holding através da qual a Espírito Santo Financial Group (ESFG) e o Crédit Agricole controlavam o BES, foi extinta na semana passada. Em comunicados hoje divulgados, os dois acionistas revelam as participações finais com que ficaram após a concretização do fim da aliança.

A ESFG começa por adianta que “como publicamente divulgado no dia 15 de
Maio, a Espírito Santo Financial Group, S.A. e o Crédit Agricole, S.A.
chegaram a um entendimento para a dissolução da sociedade Bespar,
sociedade que tinha como activo uma participação de cerca de 35,29% no
capital social do Banco Espírito Santo”.

“A referida dissolução,
acompanhada da respectiva partilha, foi concretizada no passado dia 15
de Maio, tendo como implicação que 1.043.869.829 acções representativas
de 25,98% do capital social do BES sejam directamente atribuídas à
sociedade Espírito Santo Financial (Portugal), SGPS, S.A., sociedade
essa que é detida na sua integralidade pela Espírito Santo Financial
Group”, salienta.

Deste modo, a ESFG revela que a sua “participação imputável no BES, directa e indirectamente, é de 27,50%”.


o Crédit Agricole acrescenta que passou a ser titular dos direitos de
voto inerentes às acções representativas de 20,12% do capital social e
direitos de voto do BES”.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
João Leão e Mário Centeno. Foto: Tiago Petinga/Lusa

Governo impõe aumento de 0,3% na função pública. Impacto pode ser de 70 milhões.

João Leão e Mário Centeno. Foto: Tiago Petinga/Lusa

Governo impõe aumento de 0,3% na função pública. Impacto pode ser de 70 milhões.

Christine Lagarde, presidente do BCE. Fotografia: REUTERS/Johanna Geron

Lagarde corta crescimento da zona euro para apenas 1,1% em 2020

Outros conteúdos GMG
ESFG passa a deter 27,5% do BES e o Crédit Agricole 20% após extinção da BESPAR