banca

Estado compra participação da CGD na Inapa por 15,8 milhões

Paulo Macedo, presidente da Caixa Geral de Depósitos. Fotografia: ANTÓNIO COTRIM/LUSA
Paulo Macedo, presidente da Caixa Geral de Depósitos. Fotografia: ANTÓNIO COTRIM/LUSA

Com esta operação, as contas do banco vão ser penalizadas em 600 mil euros.

A Caixa Geral de Depósitos (CGD) alienou a totalidade da sua participação na Inapa ao Estado Português, através da Direção-Geral do Tesouro e Finanças, anunciou o banco em comunicado enviado à Comissão de Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), esta sexta-feira.

“No cumprimento do seu plano estratégico, nomeadamente no que diz respeito à alienação de ativos não core para a sua atividade, a CGD procedeu à transmissão de 148.888.866 ações preferenciais sem direito de voto de que era titular, representativas de 49,47% do total das ações preferenciais sem voto emitidas e de 33,01% do capital social da Inapa, tendo deixado de deter qualquer participação nesta sociedade”, declara na nota.

A Direção-Geral do Tesouro e Finanças pagou 15,8 milhões de euros pela aquisição, tendo pagado mais do que a capitalização bolsista total da Inapa, no que toca às ações ordinárias cotadas. A distribuidora fechou a semana a valer 11,9 milhões de euros no mercado.

Com a operação, a CGD sai a perder já que se vai registar uma menos-valia “inferior a 600 mil euros nas contas anuais de 2018”, revela o banco público no comunicado.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
(João Silva/ Global Imagens)

Há quase mais 50 mil imóveis de luxo a pagar AIMI

(João Silva/ Global Imagens)

Há quase mais 50 mil imóveis de luxo a pagar AIMI

Angela Merkel e Donald Trump. Fotografia: REUTERS/Kevin Lamarque

FMI corta crescimento da Alemanha, mas Espanha ainda compensa

Outros conteúdos GMG
Estado compra participação da CGD na Inapa por 15,8 milhões