EuroBic

EuroBic prepara fecho de balcões e admite rescisões

Fernando Teixeira dos Santos, presidente executivo do EuroBic. Fotografia: Leonel de Castro/Global Imagens
Fernando Teixeira dos Santos, presidente executivo do EuroBic. Fotografia: Leonel de Castro/Global Imagens

No final de dezembro de 2016, o EuroBic contava com um total de 1458 funcionários e 201 agências, sobretudo em Lisboa, Porto e Leiria.

O EuroBic, banco liderado por Fernando Teixeira dos Santos, prepara-se para fechar balcões e admite a rescisão com alguns trabalhadores. O anúncio foi feito no final da semana passada pela federação de sindicatos bancários (Febase) depois de uma reunião com a administração do antigo Banco BIC.

“O processo de encerramento de agências contempla a integração dos trabalhadores em outros locais de trabalho – sem prejuízo económico e social para os transferidos – e por rescisões amigáveis”, refere a Febase em comunicado. Ao Jornal de Negócios, Rui Riso, assinala que existe “disponibilidade para rescindir” mas “sem conflitualidade”. O líder do Sindicato dos Bancários do Sul e Ilhas (SBSI) diz mesmo que o banco até tem aumentado a força salarial.

No final de dezembro de 2016, o EuroBic contava com um total de 1458 funcionários e 201 agências, sobretudo em Lisboa, Porto e Leiria. Até ao final do primeiro semestre, a instituição registou lucros de 10 milhões de euros.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Fotografia: Orlando Almeida/Global Imagens

Turismo vale 16% da atividade económica portuguesa

Mário Centeno, ministro das Finanças. Fotografia: REUTERS/Rafael Marchante

Défice público cai 59% até ao final de outubro

Marco Schroeder

Marco Schroeder renuncia a cargo de CEO da Oi

Outros conteúdos GMG
Conteúdo Patrocinado
Conteúdo TUI
EuroBic prepara fecho de balcões e admite rescisões