Montepio

Félix Morgado deixa palavras duras na sua saída do Montepio

José Félix Morgado, ex-CEO do Montepio
Fotografia: DR
José Félix Morgado, ex-CEO do Montepio Fotografia: DR

José Félix Morgado sai da Caixa Económica Montepio Geral, onde desempenhava o cargo de CEO, com palavras duras e críticas.

José Félix Morgado sai da Caixa Económica Montepio Geral, onde desempenhava o cargo de presidente executivo, com palavras duras e críticas sobre a forma como é gerido o grupo da Associação Mutualista Montepio.

Numa mensagem de despedida dirigida aos quadros do banco, Morgado é direto: “Saio porque fui fiel aos meus princípios éticos e profissionais, sem ceder a interesses que não sejam os da instituição e dos trabalhadores”.

“Teria sido mais fácil acomodar pedidos ou ceder a promessas. É difícil ser vertical, sério, honrado e garantir um governo societário rigoroso”, afirma.

As palavras de Félix Morgado surgem depois de António Tomás Correia, presidente da Associação Mutualista, ter criticado a sua gestão, em entrevista ao Dinheiro Vivo/TSF. Tomás Correia acusou a gestão de Félix Morgado de “não mostrar um grande empenho” pelo setor da economia social.

O gestor sai da liderança do banco antes do final do seu mandato, que só terminava no fim deste ano.

Carlos Tavares, ex-presidente da Comissão do Mercado de Valores Mobiliários, é o novo presidente executivo e chairman do banco, cargos que vai acumular durante seis meses. Depois, ficará como chairman com poderes reforçados.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
José Vieira da Silva, ministro do Trabalho. Fotografia: TIAGO PETINGA/LUSA

CML admite comprar 11 prédios da Segurança Social

Emissão de dívida do Benfica foi a menos concorrida de sempre

Os países da OPEP vão produzir mais petróleo. Fotografia: D.R.

Petróleo perde mais de 4,65%

Outros conteúdos GMG
Félix Morgado deixa palavras duras na sua saída do Montepio