Money Conference

Governo arranca com grupo de trabalho sobre fintech

Secretária de Estado da Indústria, Ana Lehmann
(Jorge Amaral / Global Imagens)
Secretária de Estado da Indústria, Ana Lehmann (Jorge Amaral / Global Imagens)

A secretária de Estado da Indústria, Ana Lehmann, quer que Portugal esteja na “linha da frente” na colaboração entre a banca e as fintech.

A secretária de Estado da Indústria, Ana Lehmann, considera que as fintech são “um tema decisivo” e que “não podemos ser meros observadores”. Fatores que levaram o governo a criar um grupo de trabalho para as fintech que terá a primeira reunião na próxima semana.

Desse grupo de trabalho farão parte representantes do Banco de Portugal, de empresas e de fintechs. Ana Lehmann defende que o país esteja na “linha da frente” na colaboração entre os bancos com modelo de negócio mais tradicionais e as fintech. Mas a governante avisa que “é preciso que a regulação acompanhe e dinâmica empreendedora”.

No discurso feito na Money Conference, organizada pelo Dinheiro Vivo e pela TSF em parceira com a EY e a Iberinform, a governante detalhou que “é preciso que a regulação acompanhe e dinâmica empreendedora”. Até porque o objetivo é “criar condições para as fintech crescerem”. E observa que Portugal começou a “atrair start ups nesta área”.

Também no setor financeiro, Ana Lehmann destacou alguns investimentos que foram feitos no país e que considera serem a prova de que a banca tradicional está apostar forte na digitalização. Deu o exemplo de um banco de investimento francês que instalou um departamento no Porto e que mais do que financeiros tem recrutado engenheiros.

“Os bancos podem beneficiar da colaboração com as fintech e muitos deles já o estão a fazer”, observou Ana Lehmann. E aponta o caminho para o futuro dos serviços financeiros. Os bancos tradicionais podem “investir em fusões e aquisições, adquirindo ou tomando participações em fintech”. Outra solução para estabelecer esta cooperação entre os bancos e as fintech é fazer “alianças estratégicas para a co-criação de novas tecnologias”.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Bitcoin

As sete critptomoedas que valem mais de dez mil milhões

Fotografia:  Fernando Pereira / Global Imagens

Como a dona da Conforama causou perdas milionárias aos maiores bancos do mundo

Angela Merkel

SPD aprova negociações com Merkel para formação de governo

Outros conteúdos GMG
Conteúdo TUI
Governo arranca com grupo de trabalho sobre fintech