banca

Horta Osório: Banca “está na boa direção” mas ainda “há muito que fazer”

O banqueiro considera que o nível de malparado, na casa dos 10%, ainda é alto.

António Horta Osório, presidente executivo do Lloyds Bank, afirmou esta sexta-feira que a banca portuguesa “está na boa direção” mas ainda “tem muito que fazer”, nomeadamente na descida do crédito malparado.

“Esse valor (de malparado) tem vindo a descer de maneira acelerada e está agora à volta de 10%. Estamos a ir na boa direção”, mas 10% “ainda é alto”, afirmou o banqueiro na conferência da AICEP sobre Exportações e Investimento.

Frisou que os rácios de capital Core Tier 1, em torno dos 13% a 13,5%, que “são positivos, em termos internacionais”. Para tal, “muito contribuiu a recapitalização da Caixa Geral de Depósitos”, que representa 25% do sistema bancário português e recebeu uma injeção de capital de cerca de 5.000 milhões de euros.

Mas destacou que o Banco Central Europeu fez uma recomendação genérica de que a cobertura do crédito malparado deveria rondar os 80% e que se os bancos em Portugal o fizessem, os rácios de capital, em média, desceriam para os 9%.

Em atualização

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
O primeiro-ministro, António Costa (D), e o presidente da Câmara Municipal de Loures, Bernardino Soares (E), participam na conferência de imprensa no final de uma reunião, em Loures. MANUEL DE ALMEIDA/LUSA

Costa: “Há países que foram colocados em listas vermelhas por retaliação”

João Rendeiro, ex-gestor do BPP

João Rendeiro, ex-presidente do BPP, condenado a pena de prisão

O deputado do Partido Social Democrata (PSD) Ricardo Batista Leite. (RODRIGO ANTUNES/LUSA)

PSD quer transferir reuniões do Infarmed para o parlamento

Horta Osório: Banca “está na boa direção” mas ainda “há muito que fazer”