avaliação bancária

José Maria Ricciardi eleito banqueiro europeu do ano

ng3113149

O presidente do Banco Espírito Santo Investimento (BESI) ganhou o prémio
de melhor banqueiro europeu do ano. A distinção foi atribuída pela
revista britânica de finanças World Finance que escolheu José Maria Ricciardi por ser “um ator principal no setor” da banca.

“José Maria Ricciardi passou a maior parte da sua carreira na instituição que a sua família fundou e hoje serve na administração executiva de muitas subsidiárias do BES”, escreve a World Finance. “Foi reconhecido pela Câmara Portuguesa de Comércio do Rio de Janeiro e recebeu muitos prémios pelos seus serviços à banca”, sublinhou a publicação.

Além do líder do BESI, também foram agraciados vários CEO em todos os continentes com a distinção: Joseph Hooley do norte-americano State Street; Mohammad Nasr Abdeen do árabe Union National Bank; Conor McEnroy, do sul-americano Sudameris Bank; Segun Agbaje, do nigeriano Guaranty Trust Bank; Peter Wong da filial de Hong Kong do britânico HSBC; e Gail Kelly do australiano Westpac Bank.

A publicação sublinha que “os últimos cinco anos não foram fáceis para os banqueiros individuais”, tendo estes sidos “vilificados” quando “99% estavam a agir corretamente”.

“De forma a compensar este desequilíbrio na representação dos média, a World Finance escolheu vários atores principais do setor que estão a influenciar a banca para o bem comum”, destaca a publicação britânica.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
António Mexia, presidente executivo da EDP. Fotografia: REUTERS/Pedro Nunes

Chineses da EDP não abdicam de desblindar estatutos. OPA quase morta

O dia, segunda-feira de Páscoa, prejudicou a concentração dos ex-operários junto à casa-mãe, a Miralago. Fotografia: Tony Dias/Global Imagens

Ex-operários tentam evitar saída de máquinas da Órbita

O secretário-geral do Sindicato dos Trabalhadores da Administração Pública (SINTAP), José Abrãao, numa manifestação. Fotografia: JOSÉ SENA GOULÃO/LUSA

FESAP. Inspetores do Estado podem ficar 10 anos sem progredir nas carreira

Outros conteúdos GMG
Conteúdo TUI
José Maria Ricciardi eleito banqueiro europeu do ano