Montepio

Montepio: Os 10 mandamentos de Carlos Tavares

Fotografia: Sarah Costa/Global Imagens
Fotografia: Sarah Costa/Global Imagens

A nova administração da CEMG tem de "ter em conta" que os seus balcões são o canal privilegiado de venda de produtos da Associação Mutualista.

A nova administração da Caixa Económica Montepio Geral (CEMG) liderada por Carlos Tavares tem de “ter em conta” que os balcões do banco são o canal privilegiado de venda de produtos do grupo, “com especial destaque” para as ofertas da Associação Mutualista.

Este é o último ponto da Carta de Missão com os 10 mandamentos que Carlos Tavares terá de seguir.

Remunerar “adequadamente” os acionistas “com caráter estável e sustentado” é outra das missões dos novos órgãos sociais que estão prestes a iniciar funções.

Também o destaque a dar a “instituições da economia social e empreendedores sociais, de base local, regional e nacional” é salientado.

“Com a eleição de um novo conselho de administração no quadro de um diferente modelo de governo
societário, a CEMG concretiza o último passo de um processo de renovação do seu quadro jurídico de
atuação e de relacionamento acionista”, lê-se no ponto dois do documento

 

 

Pode ler aqui os 10 pontos que compõem a carta de missão da CEMG.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Fotografia: Rui Manuel Ferreira/Global Imagens

Emprego dos jovens que acabaram agora o curso regressa a níveis pré-troika

Foto: Sonae

Cláudia Azevedo, desafios de uma sucessão na continuidade da Sonae

O antigo ministro da Economia, Manuel Pinho, durante a sua audição na Comissão de Economia, Inovação e Obras Públicas, sobre o seu alegado relacionamento, enquanto Ministro da Economia e da Inovação, e o setor privado, Assembleia da República em Lisboa, 17 de julho de 2018. JOSÉ SENA GOULÃO/LUSA

Manuel Pinho: “PSD é o pai dos CMEC e a mãe das barragens”

Outros conteúdos GMG
Montepio: Os 10 mandamentos de Carlos Tavares