Novo Banco

Moody’s corta rating do Novo Banco e alerta para riscos da troca de obrigações

Agência de rating classifica troca de obrigações como "problemática"

A agência de notação financeira Moody’s cortou esta quarta-feira o rating das obrigações seniores do Novo Banco de Caa1 para Caa2, a dois níveis da categoria de incumprimento.

Em causa está a operação de troca de obrigações não subordinadas por títulos de dívida com maior risco associado, que vai permitir reforçar o capital do banco em 500 milhões de euros.

Na visão da agência de rating, a operação é “problemática” e o corte de rating “reflete a expectativa da Moody’s sobre as perdas que os detentores das obrigações seniores vão enfrentar como parte da operação de troca”, refere a agência em comunicado.

A troca de obrigações é uma das condições obrigatórias para que a venda do Novo Banco seja concluída com sucesso ao fundo norte-americano Lone Star.

Além do rating das obrigações sénior, a Moody’s colocou ainda sob vigilância e ameaça de cortes posteriores a nota dos depósitos de longo prazo do Novo Banco.

A agência sublinha que vai avaliar “os termos e condições” da troca de dívida, o funcionamento do mecanismo de contingência de capital do Fundo de Resolução “que deverá estar disponível para recapitalizar o banco em certas circunstâncias”, o perfil financeiro do Novo Banco com base nas contas auditadas de 2016, os detalhes da estratégia de médio prazo e do plano de reestruturação que o Lone Star tem para a instituição, e ainda os prazos para a conclusão do negócio, incluindo a aprovação dos reguladores.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Mário Centeno ladeado pelos representantes dos dois maiores credores de Portugal: Pierre Moscovici (Comissão) e Klaus Regling (ESM). Fotografia: EPA/JULIEN WARNAND

Centeno usa verbas da almofada de segurança para pagar aos credores europeus

O bastonário da Ordem dos Notários, Jorge Batista da Silva. Fotografia: Gonçalo Villaverde/Global Imagens

Ordem dos Notários desmente declarações de Álvaro Santos Pereira

Quinta do Lago

Algarve é o melhor destino de golfe do mundo para 2020

Outros conteúdos GMG
Moody’s corta rating do Novo Banco e alerta para riscos da troca de obrigações