Novo Banco

Murteira Nabo: Nacionalização do Novo Banco “é um disparate”

Francisco Murteira Nabo, antigo presidente da Galp e da PT. Fotografia:  Algarvephotopress / Global Imagens
Francisco Murteira Nabo, antigo presidente da Galp e da PT. Fotografia: Algarvephotopress / Global Imagens

Novo Banco poderá juntar-se ao BPI e, depois, ao BIC, na opinião do antigo presidente da Galp e da PT

Francisco Murteira Nabo está contra a nacionalização do Novo Banco. O antigo presidente da Galp e da PT considera esta hipótese um “disparate” e que é necessário “limpar os bancos” dos ativos que não são recuperáveis através de um “processo de consolidação”, segundo uma entrevista conjunta à Antena1 e ao Diário Económico.

Sobre a banca, Murteira Nabo aponta que o BPI vai ficar com o Novo Banco e que, depois da fusão destes dois bancos, o BIC poderá juntar-se a esta equação. A chave deste processo está nas mãos do CaixaBank, que tem 44% do BPI.

Murteira Nabo considera ainda que não existe um plano B da parte do Ministério das Finanças e que essa expressão mostra mesmo “alguma ingenuidade” da parte do ministro, Mário Centeno.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
Presidente do Conselho de Finanças Públicas (CFP), Nazaré da Costa Cabral. MANUEL DE ALMEIDA/LUSA

Linhas de crédito anti-covid ainda podem vir a pesar muito nas contas públicas

Fotografia: Fábio Poço/Global Imagens

Apoio a rendas rejeitado devido a “falha” eletrónica

A ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Ana Mendes Godinho. RODRIGO ANTUNES/LUSA

Só 789 empresas mantiveram lay-off simplificado em agosto

Murteira Nabo: Nacionalização do Novo Banco “é um disparate”