banca

Pablo Forero: “Não há qualquer intenção de transformar o BPI numa sucursal”

O presidente executivo do BPI, Pablo Forero. (Foto: António Cotrim/Lusa)
O presidente executivo do BPI, Pablo Forero. (Foto: António Cotrim/Lusa)

O líder do BPI, ao Jornal Económico, diz que não planos para a transformar o banco em sucursal

Pablo Forero, CEO do BPI, em entrevista ao Jornal Económico, salienta que o “controlo do CaixaBank trouxe estabilidade acionista e robustez no capital, o que é um fator muito relevante para a vida do banco e para as suas perspetivas futuras”.

Questionado se há o objetivo de manter o BPI autónomo, ou se mais cedo ou mais tarde vai passar a sucursal, Pablo Forero refere que o banco é uma das cinco maiores entidades financeiras no país e “um banco de direito português, profundamente enraizado na economia portuguesa e com um longo historial de apoio às instituições de solidariedade social”.

“Não há qualquer intenção de transformar o BPI numa sucursal. Somos 5.000 pessoas e servimos mais de 1,5 milhões de clientes – famílias e empresas – através de uma oferta centrada em créditos, depósitos, fundos de investimento e seguros. O BPI tem uma reputação reconhecida pelos clientes, que gostam da marca. Por isso foi anunciado que não haverá nenhuma alteração no nome do banco”, garantiu Pablo Forero.

Ainda de acordo com o Jornal Económico, o CaixaBank está a ponderar abrir uma sucursal do seu banco especializado em crédito ao consumo em Portugal. Na entrevista que deu ao jornal, Pablo Forero terá admitido a abertura do CaixaBank Consumer Finance na capital portuguesa.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
4. Peças automóveis

É recorde: Peças para carros valem mais de 11 mil milhões de euros

Caixa Geral de Dep—ositos -

Sete dos créditos de risco da CGD tiveram perdas de 100%

Fotografia: REUTERS/Eloy Alonso

Santander anuncia fecho de 140 balcões no Reino Unido

Outros conteúdos GMG
Conteúdo TUI
Pablo Forero: “Não há qualquer intenção de transformar o BPI numa sucursal”