banca

Principais bancos europeus vão enfrentar pressões sobre receitas em 2020

Fotografia: REUTERS/Brendan McDermid
Fotografia: REUTERS/Brendan McDermid

A Fitch espera também que, perante dificuldades de gerar negócio, os bancos continuem os esforços para aumentar a eficiência operacional.

A agência de ‘rating’ Fitch considera que os principais bancos europeus vão enfrentar em 2020 maiores pressões sobre as receitas devido às fracas perspetivas sobre o crescimento da economia e o prolongamento das baixas taxas de juros.

Em informação hoje divulgada, a Fitch considera que a perspetiva negativa sobre os bancos da Europa ocidental em 2020 se deve ao facto de ser esperado enfraquecimento das receitas e da rentabilidade.

A Fitch espera também que, perante dificuldades de gerar negócio, os bancos continuem os esforços para aumentar a eficiência operacional.

Considera ainda que, em 2020, os bancos europeus terão o desafio de gerir o custo do excesso de liquidez, pelo que estão a passar o excesso de liquidez para empréstimos ou investimentos em títulos.

Ao mesmo tempo, a maioria dos grandes bancos europeus, diz a agência de ‘rating’, já está a cobrar pelos depósitos de clientes institucionais e grandes empresas, apesar de haver limitações legais a essas taxas (caso de Portugal).

A agência de ‘rating’ indica ainda que para gerir a falta de lucros operacionais os bancos terão de fazer alterações aos seus modelos de negócios para serem mais competitivos e, logo, mais lucrativos.

Na semana passada, a Fitch avaliou o sistema bancário português, considerando que haverá uma nova fase de consolidação na banca a longo prazo, face à pressão sobre as receitas dos bancos e à necessidade de criar instituições mais resilientes.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
O primeiro-ministro, António Costa (E), conversa com o ministro de Estado e das Finanças, Mário Centeno (D), durante o debate parlamentar de discussão na generalidade do Orçamento do Estado para 2020 (OE2020), esta tarde na Assembleia da República, em Lisboa, 09 de janeiro de 2020. MIGUEL A. LOPES/LUSA

Subida do PIB em 2019 chega aos 2,2% com revisão nas exportações de serviços

Foto - Leonardo Negrao

Deco: seguros de saúde não cobrem coronavírus, seguros de vida sim

Foto: D.R.

Easyjet. Ligações de Portugal com Itália não serão afetadas, por enquanto

Principais bancos europeus vão enfrentar pressões sobre receitas em 2020