Reclamações

Reclamações de clientes bancários contra instituições sobem 8,1% em 2017

D.R.
D.R.

O Banco de Portugal (BdP) recebeu 15.282 reclamações de clientes bancários contra instituições de crédito em 2017, mais 8,1% do que no ano anterior.

O Banco de Portugal (BdP) recebeu 15.282 reclamações de clientes bancários contra instituições de crédito em 2017, mais 8,1% do que no ano anterior, segundo o Relatório de Supervisão Comportamental hoje divulgado.

De acordo com o BdP, os produtos e serviços mais reclamados são as contas de depósito (5.070 reclamações), seguindo-se o crédito aos consumidores (3.440), crédito hipotecário (1.921), cartões de pagamento (1.455), transferências a crédito (705), cheques (554), operações com numerário (445), crédito às empresas (410), máquinas ATM (247) e débitos diretos (231).

O Banco CTT lidera a lista das instituições com mais reclamações no que respeita às contas de depósito, seguindo-se entidades como o Banco do Brasil e o Deutsche Bank.

O Banco CTT também liderou as reclamações no crédito aos consumidores, seguindo-se o FCE Bank e o Deutsche Bank.

Já no crédito hipotecário, a instituição mais reclamada foi o banco BIC, além do Banco Popular e do Santander Totta.

Ao todo, verificou-se uma média de 1.274 reclamações por mês um prazo de encerramento médio das situações de 39 dias.

O BdP aponta que, do total de reclamações, em 62% “não foram detetados indícios de infração”, sendo que, nos restantes casos, a situação reclamada “foi solucionada pela instituição, por sua iniciativa ou por exigência” do banco central.

Em 2016, o BdP recebeu 14.141 reclamações.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
A ministra do Trabalho, Ana Mendes Godinho (D), e o secretário de Estado do Emprego, Miguel Cabrita (E). Fotografia: MANUEL DE ALMEIDA/LUSA

Salário mínimo de 635 euros? Dos 617 dos patrões aos 690 euros da CGTP

concertação

Governo sobe, sem acordo, salário mínimo até 635 euros em 2020

concertação

Governo sobe, sem acordo, salário mínimo até 635 euros em 2020

Outros conteúdos GMG
Reclamações de clientes bancários contra instituições sobem 8,1% em 2017