banca

Santander Totta vendeu 1000 milhões de malparado

Carlos Manuel Martins/Global Imagens
Carlos Manuel Martins/Global Imagens

As carteiras de malparado alienadas eram provenientes do Banif e também do Banco Popular.

O Santander Totta vendeu carteiras de crédito malparado num total de mil milhões de euros em 2018, tendo alienado cerca de 600 milhões de euros de carteiras de imóveis, sobretudo do antigo Banco Popular.

O banco anunciou esta segunda-feira que alcançou um lucro líquido de 500 milhões de euros em 2018, um aumento de 14,6% em termos homólogos.

Na conferência que marcou a estreia pública de Pedro Castro e Almeida como novo CEO do Santander em Portugal, não foram referidos os nomes das entidades que compraram as carteiras de malparado do banco.

O rácio de crédito malparado do banco melhorou em 1,7 pontos percentuais em 2018 para 4%.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
O secretário de Estado dos Assuntos Fiscais, António Mendonça Mendes. MÁRIO CRUZ/LUSA

Famílias ficam com um pouco mais de salário ao final do mês

Miguel Almeida, CEO da NOS

Comité de Ética da NOS vai ouvir os administradores envolvidos no Luanda Leaks

O Presidente da República de Portugal, Marcelo Rebelo de Sousa, discursa durante a cerimónia de tomada de posse do XXII Governo Constitucional, liderado pelo secretário-geral do Partido Socialista (PS), António Costa, no Palácio da Ajuda, em Lisboa, 26 de outubro de 2019. ANTÓNIO PEDRO SANTOS/LUSA

Marcelo: É bem-vindo a Portugal todo o investimento no respeito da legalidade

Santander Totta vendeu 1000 milhões de malparado