Euribor

Taxas Euribor caem a três, a seis e a 12 meses

Fotografia: Arquivo/ Global Imagens
Fotografia: Arquivo/ Global Imagens

A Euribor a seis meses, a mais utilizada em Portugal nos créditos à habitação, desceu hoje para -0,287%, menos 0,004 pontos do que na sexta-feira,

As taxas Euribor desceram esta segunda-feira a três, seis e a 12 meses em relação a sexta-feira.

A taxa Euribor a seis meses, a mais utilizada em Portugal nos créditos à habitação, desceu hoje para -0,287%, menos 0,004 pontos do que na sexta-feira, contra o atual máximo desde pelo menos janeiro de 2015, de -0,114%, verificado pela primeira vez em 23 de abril, e o atual mínimo de sempre, de -0,448%, em 03 de setembro de 2019.

No mesmo sentido, a Euribor a três meses recuou esta segunda-feira, para -0,413%, menos 0,010 pontos, contra -0,161% em 23 de abril, um máximo desde pelo menos janeiro de 2015, e o atual mínimo de sempre, de -0,489%, registado em 12 de março.

No prazo de 12 meses, a taxa Euribor também desceu hoje ao ser fixada em -0,205%, menos 0,006 pontos, contra -0,053% em 22 de abril, um máximo desde pelo menos janeiro de 2015, e o atual mínimo, de -0,399%, em 21 de agosto de 2019.

A evolução das taxas de juro Euribor está intimamente ligada às subidas ou descidas das taxas de juro diretoras do Banco Central Europeu (BCE).

As taxas Euribor a três, a seis e a 12 meses entraram em terreno negativo em 2015, em 21 de abril, 06 de novembro e 05 de fevereiro, respetivamente.

As Euribor são fixadas pela média das taxas às quais um conjunto de 57 bancos da zona euro está disposto a emprestar dinheiro entre si no mercado interbancário.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
Ministro de Estado, da Economia e Transição Digital, Pedro Siza Vieira. TIAGO PETINGA/LUSA

Moratórias bancárias estendidas até final de setembro de 2021

covid-19 portugal corona virus

Emprego público sobe 0,9% com contratações da saúde e oficinas da CP

A ministra da Presidência e da Modernização Administrativa, Mariana Vieira da Silva TIAGO PETINGA/POOL/LUSA

Prorrogada situação de contingência em Portugal continental até 14 de outubro

Taxas Euribor caem a três, a seis e a 12 meses