Bolsa de Lisboa em alta com EDP Renováveis e EDP a liderarem ganhos

Bolsas europeias iniciaram a semana no verde.

A bolsa de Lisboa estava segunda-feira em alta, a manter a tendência da abertura, com a EDP Renováveis e a EDP a subirem 3,19% para 22,64 euros e 2,42% para 4,78 euros, respetivamente.

Cerca das 8h55 em Lisboa, o principal índice da bolsa, o PSI20, avançava 1,28% para 5.374,58 pontos, 15 'papéis' a subirem, dois a descerem um a manter a cotação (Ibersol em 5,80 euros).

Os títulos da Ramada Investimentos, Galp e BCP eram outros dos que mais se valorizavam, estando a subir 2,07% para 5,92 euros, 1,36% para 8,32 euros e 1,35% para 0,13 euros.

As ações dos CTT e NOS também se valorizavam, designadamente 1,08% para 4,67 euros e 0,88% para 3,43 euros.

Em sentido contrário, a Novabase e a Pharol recuavam 0,41% para 4,88 euros e 0,10% para 0,10 euros, respetivamente.

Na Europa, as principais bolsas estavam hoje a negociar em alta numa sessão calma, depois do mercado de Wall Street ter terminado em baixa na sexta-feira.

A bolsa de Nova Iorque terminou com o Dow Jones a cair 0,78% para 34.607,72 pontos, contra o atual máximo desde que foi criado em 1896, de 35.625,40 pontos, verificado em 16 de agosto.

No mesmo sentido, o Nasdaq fechou a desvalorizar-se 0,87% para 15.115,49 pontos, contra o atual máximo de 15.374,33 pontos registado em 7 de setembro.

A nível cambial, o euro abriu em baixa no mercado de câmbios de Frankfurt, a cotar-se a 1,1782 dólares, contra 1,1814 dólares na sexta-feira e o atual máximo desde maio de 2018, de 1,2300 dólares, em 5 de janeiro.

O barril de petróleo Brent para entrega em novembro abriu em alta no Intercontinental Exchange Futures (ICE) de Londres, a cotar-se a 73,31 dólares, contra 72,92 dólares na sexta-feira e o atual máximo desde pelo menos o início de 2018, de 77,16 dólares, verificado em 5 de julho.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de