Mercados

Bolsa de Lisboa em baixa com Ibersol e Novabase a liderarem perdas

bolsa lisboa
Fotografia: Rungroj Yongrit/EPA

A bolsa de Lisboa mantinha hoje a tendência de baixa da abertura, com a Ibersol e a Novabase a caírem 4,08% para 6,12 euros e 2,21% para 3,10 euros, respetivamente.

Cerca das 09:00 em Lisboa, o principal índice da bolsa, o PSI20, descia 0,29% para 4.439,47 pontos, com 13 ‘papéis’ a desvalorizarem-se, três a subirem e dois inalterados (Corticeira Amorim e Semapa).

Aos ‘papéis’ da Ibersol e da Novabase seguiam-se os da EDP, que registavam perdas de 0,93% para 4,48 euros.

As ações da EDP Renováveis também estavam a cair, designadamente 0,46% para 13,10 euros.

A Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM) levantou na terça-feira a suspensão da negociação das ações da EDP e da EDP Renováveis, que vigorava desde segunda-feira à tarde.

Na segunda-feira, António Mexia, presidente da EDP, e João Manso Neto, presidente da EDP Renováveis, foram suspensos de funções na empresa como medida de coação decidida pelo juiz Carlos Alexandre no caso EDP.

Posteriormente, a EDP anunciou que o administrador financeiro da empresa, Miguel Stilwell de Andrade, passou a presidente interino, substituindo António Mexia, enquanto a EDP Renováveis nomeou Rui Manuel Rodrigues Lopes Teixeira como novo membro da Comissão Executiva e administrador-delegado, na sequência da suspensão de João Manso Neto.

As ações dos CTT, Sonae SGPS e Altri eram outras das que mais desciam, estando a perder 0,89% para 2,22 euros, 0,77% para 0,64 euros e 0,61% para 4,25 euros, respetivamente.

Em contrapartida, em sentido inverso, as ações da REN, Jerónimo Martins e Navigator eram as únicas que subiam, estando a ganhar 0,81% para 2,48 euros, 0,40% para 14,88 euros e 0,28% para 2,17 euros.

Na Europa, as principais bolsas abriram hoje em baixa, com medo de que a recuperação económica seja mais lenta do que o previsto devido à propagação da covid-19.

Num dia sem referências económicas relevantes, os investidores estão atentos à reunião dos presidentes das instituições da União Europeia para impulsionar a negociação do plano de recuperação europeu face à pandemia da covid-19.

A bolsa de Wall Street fechou em baixa na terça-feira, com o Dow Jones a cair 1,51% para 25.890,18 pontos, contra 29.551,42 pontos em 12 de fevereiro, atual máximo desde que foi criado em 1896.

No mesmo sentido, também na terça-feira, o Nasdaq fechou a recuar 0,86% para 10.343,89 pontos, contra o atual máximo de sempre, de 10.433,65 pontos, registado em 6 de julho.

A nível cambial, o euro abriu hoje em baixa no mercado de câmbios de Frankfurt, mas a cotar-se a 1,1286 dólares, contra 1,1290 dólares na terça-feira.

O barril de petróleo Brent para entrega em setembro abriu com tendência negativa, mas a cotar-se a 42,86 dólares no Intercontinental Exchange Futures (ICE) de Londres, contra 43,08 dólares na terça-feira.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
O primeiro-ministro, António Costa, intervém durante a cerimónia de assinatura de declaração de compromisso de parceria para Reforço Excecional dos Serviços Sociais e de Saúde e lançamento do programa PARES 3.0, no Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, em Lisboa, 19 de agosto de 2020. ANDRÉ KOSTERS/LUSA

“Na próxima semana podemos chegar aos 1000 casos por dia”, avisa Costa

Fachada da Caixa Geral de Depósitos. 
(Sarah Costa / Global Imagens)

Clientes da CGD sem acesso ao serviço Caixadirecta

App Stayaway covid

App Stayaway Covid perto do milhão de downloads. 46 infetados enviaram alertas

Bolsa de Lisboa em baixa com Ibersol e Novabase a liderarem perdas