Bolsa

Bolsas europeias em alta à espera de novo Governo em Espanha e a seguir Itália

Bolsa de valores. Fotografia: EFE
Bolsa de valores. Fotografia: EFE

As principais bolsas europeias estavam em alta, à espera da formação do Governo em Espanha e a seguir a evolução política em Itália.

As principais bolsas europeias estavam esta terça-feira em alta, à espera da formação do Governo em Espanha e a seguir a evolução política em Itália.

Cerca das 08:55 em Lisboa, o EuroStoxx 600 estava em alta, a subir 0,20% para 388,88 pontos.

As bolsas de Londres, Paris e Frankfurt subiam 0,02%, 0,34% e 0,42%, bem como Madrid e Milão, que avançavam 0,22% e 0,28%, respetivamente.

Depois de ter aberto em alta, a bolsa de Lisboa mantinha a tendência e, cerca das 08:55, o principal índice, o PSI20, estava a subir 0,45% para 5.608,76 pontos.

Fora da Europa, os investidores continuam pendentes da evolução da guerra comercial aberta pelos Estados Unidos com a imposição de tarifas aduaneiras às importações de aço e alumínio provenientes da União Europeia, Canadá e México.

O barril de petróleo Brent para entrega em agosto abriu hoje em alta, a cotar-se a 75,45 dólares no Intercontinental Exchange Futures (ICE) de Londres, mais 0,22% do que no encerramento da sessão anterior.

Em Nova Iorque, o mercado de Wall Street terminou em alta, com o Dow Jones a subir 0,72% para 24.813,69 pontos, depois de ter subido em 26 de janeiro até aos 26.616,71 pontos, atual máximo desde que foi criado, em 1896.

O Nasdaq também fechou a avançar, designadamente 0,69% para 7.606,46 pontos, após ter subido em 12 de março até aos 7.588,33 pontos, atual máximo de sempre.

A nível cambial, o euro abriu em baixa no mercado de divisas de Frankfurt, a cotar-se a 1,1689 dólares, contra 1,1698 dólares no fecho de segunda-feira.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
precários jovens licenciados

Jovens, precários e licenciados pagam ajustamento laboral da pandemia

Utentes à saída de um cacilheiro da Transtejo/Soflusa proveniente de Lisboa, em Cacilhas, Almada. MÁRIO CRUZ/LUSA

Salário médio nas empresas em lay-off simplificado caiu 2%

Uma funcionária transporta máscaras de proteção individual na fábrica de confeções Petratex, em Carvalhosa, Paços de Ferreira, 27 de abril de 2020. HUGO DELGADO/LUSA

Mais de 60% dos “ausentes” do trabalho são mulheres

Bolsas europeias em alta à espera de novo Governo em Espanha e a seguir Itália