Bolsas europeias em alta, apesar das perdas registadas em Wall Street

Depois de abrir em alta, a bolsa em Lisboa mantinha a tendência e, cerca das 08h45, o principal índice, o PSI20, avançava 0,12% para 5.217,56 pontos.

As principais bolsas europeias abriram hoje em alta, apesar das perdas registadas em Wall Street na terça-feira e de não estar prevista a divulgação de indicadores macroeconómicos relevantes.

Cerca das 0h:45 em Lisboa, o EuroStoxx 600 avançava 0,19% para 446,04 pontos.

As bolsas de Londres, Paris e Frankfurt subiam 0,08%, 0,24% e 0,17%, bem como as de Madrid e Milão, que se valorizavam 0,03% e 0,11%, respetivamente.

Depois de abrir em alta, a bolsa em Lisboa mantinha a tendência e, cerca das 08h45, o principal índice, o PSI20, avançava 0,12% para 5.217,56 pontos.

Os mercados europeus abriram otimistas apesar de Wall Street ter terminado em baixa na terça-feira, com os investidores a manterem-se preocupados com a subida da inflação e com as consequências que esta tendência pode ter na política monetária da Reserva federal dos EUA (Fed), designadamente uma subida das taxas de juros.

Neste contexto, os juros da dívida soberana dos EUA, os que mais preocupam os investidores, estavam hoje em baixa, bem como os das dívidas soberanas europeias, que registavam uma queda generalizada.

A bolsa de Nova Iorque terminou em baixa na terça-feira, com o Dow Jones a cair 0,24% para 34.312,46 pontos, contra o atual máximo de sempre desde que foi criado em 1896, de 34.777,76 pontos, registado em 07 de maio.

No mesmo sentido, o Nasdaq fechou a desvalorizar-se 0,03% para 13.657,18 pontos, contra o máximo de 14.138,78 pontos, registado em 26 de abril.

A nível cambial, o euro abriu em baixa no mercado de câmbios de Frankfurt, a cotar-se a 1,2236 dólares, contra 1,2240 dólares na terça-feira e o atual máximo desde maio de 2018, de 1,2300 dólares, em 05 de janeiro.

O barril de petróleo Brent para entrega em julho abriu em alta no Intercontinental Exchange Futures (ICE) de Londres, a cotar-se a 69,10 dólares, contra 68,65 dólares na terça-feira e o máximo dos últimos seis meses, de 69,46 dólares em 17 de maio.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de