Bolsa

Bolsas europeias pendentes do Brexit e das relações entre Washington e Pequim

REUTERS/Henry Nicholls
REUTERS/Henry Nicholls

As principais bolsas europeias negociavam hoje mistas, pendentes dos desenvolvimentos do Brexit e das negociações entre Pequim e Washington.

Cerca das 08:55 em Lisboa, o EuroStoxx 600 estava em baixa, a cair 0,08% para 359,42 pontos.

As bolsas de Paris e Frankfurt recuavam 0,36% e 0,05%, bem como a de Madrid que caia 0,54%.

Em sentido inverso, Londres e Milão subiam 0,14% e 0,07%, respetivamente.

Depois de ter aberto em baixa, a bolsa de Lisboa mantinha a tendência e, cerca das 08:55, o principal índice, o PSI20, descia 0,33% para 5.098,00 pontos.

Em Nova Iorque, a bolsa terminou mista na sexta-feira, com o Dow Jones a subir 0,26% para 25.063,89 pontos, depois de ter atingido em 03 de outubro 26.828,39 pontos, atual máximo desde que foi criado em 1896.

Em sentido inverso, o Nasdaq fechou a recuar 0,25% para 7.263,87 pontos, após ter subido até aos 8.109,69 pontos em 29 de agosto, atual máximo de sempre.

A nível cambial, o euro abriu em baixa no mercado de divisas de Frankfurt, a cotar-se a 1,1443 dólares, contra 1,1475 dólares na sexta-feira.

O barril de petróleo Brent para entrega em abril abriu hoje em alta, a cotar-se a 62,85 dólares no Intercontinental Exchange Futures (ICE) de Londres, mais 1,13% do que na sessão anterior e depois de ter estado acima dos 85 dólares no início de outubro.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
EDP_ENGIE2

EDP e Engie vão investir até 50 mil milhões para liderarem eólicas no mar

EDP_ENGIE2

EDP e Engie vão investir até 50 mil milhões para liderarem eólicas no mar

Da esquerda para a direita: Ricardo Mourinho Félix, secretário de Estado das Finanças, Angel Gurría, secretário-geral da OCDE, e Pedro Siza Vieira, ministro da Economia. Fotografia: Diana Quintela/Global Imagens

OCDE. Dinamismo das exportações nacionais tem o pior registo da década

Outros conteúdos GMG
Conteúdo TUI
Bolsas europeias pendentes do Brexit e das relações entre Washington e Pequim