Mercados

Juros da dívida portuguesa caem a dois, a cinco e a 10 anos

(Foto Frank Rumpenhorst / dpa / AFP) / Germany OUT
(Foto Frank Rumpenhorst / dpa / AFP) / Germany OUT

Cerca das 08:25 em Lisboa, os juros a 10 anos recuavam para 0,423%, contra 0,435% na quinta-feira.

Os juros da dívida portuguesa estavam esta sexta-feira a descer a dois, a cinco e a 10 anos em relação a quinta-feira, alinhados com os de Espanha, Grécia e Itália.

Cerca das 08:25 em Lisboa, os juros a 10 anos recuavam para 0,423%, contra 0,435% na quinta-feira, depois de terem subido até 1,441% em 18 de março, um máximo desde março de 2019, e descido até ao atual mínimo de sempre, de 0,065%, em 15 de agosto de 2019.

No prazo de cinco anos, os juros desciam para -0,100%, contra -0,090% na quinta-feira, 0,916% em 18 de março, um máximo desde junho de 2018, e o mínimo de sempre, de -0,374%, em 26 de agosto de 2019. Os juros a dois anos também caíam, para -0,494%, contra -0,489% na quinta-feira, 0,258% em 18 de março, um máximo desde pelo menos junho de 2018, e o atual mínimo de sempre, de -0,684%, em 04 de setembro.

Os juros da Irlanda subiam a dois anos e desciam nos prazos mais longos.

Juros da dívida soberana em Portugal, Grécia, Irlanda, Itália e Espanha às 08:25:

2 anos…5 anos…10 anos

Portugal

03/07…..-0,494….-0,100……0,423

02/07…..-0,489……-0,090……0,435

Grécia

03/07…….n.disp…0,558……1,168

02/07…….n.disp…0,562……1,170

Irlanda

03/07……-0,532…-0,398……0,006

02/07……-0,534…-0,392……0,011

Itália

03/07…….0,069….0,685……1,196

02/07…….0,078….0,697……1,209

Espanha

03/07……-0,411…-0,155……0,438

02/07……-0,409…-0,146……0,448

Fonte: Bloomberg Valores de ‘bid’ (juros exigidos pelos investidores para comprarem dívida) que compara com fecho da última sessão.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
Foto: EPA/PATRICK SEEGER

Bruxelas dá luz verde a Banco Português de Fomento

Exemplo de ouro numa loja de câmbio em Klaaswaal, Países Baixos. (EPA/ROBIN VAN LONKHUIJSEN)

Ouro atinge recorde e excede os 2 mil dólares

Centenas de turistas visitam todos os dias os jardins do Palácio de Cristal, no Porto. Fotografia: Leonel de Castro/Global Imagens

FMI: Portugal com perdas acima de 2% do PIB devido à quebra no turismo

Juros da dívida portuguesa caem a dois, a cinco e a 10 anos