Bolsa

Lisboa acorda no verde, contrariando sentimento da Europa

REUTERS/Simon Dawson
REUTERS/Simon Dawson

A bolsa de Lisboa iniciou sessão em terreno positivo, contrariando a tendência das principais praças europeias.

Às 8:15, o PSI-20 segue em alta ligeira, a somar 0,03% para os 5.153,17 pontos. O comportamento do principal índice de referência nacional é impulsionado pelos ganhos do BCP, a apreciar 0,31% e da Galp, a subir 0,43%. Também a EDP arrancou a sessão em terreno positivo, assim como a Jerónimo Martins.

No Velho Continente, os mercados acordaram com um sentimento negativo, à exceção de Paris. O FTSE 100, em Londres, iniciou sessão a desvalorizar 0,15%, o IBEX 35, em Madrid, a perder 0,28%, e o alemão DAX 30 a cair 0,22%. Os investidores mostram-se preocupados numa altura em que o acordo do Brexit voltou a ser rejeitado no parlamento britânico. Theresa May, volta a perder a votação sobre o acordo de saída do Reino Unido da União Europeia: desta vez por 149 votos.

O Reino Unido afirmou que eliminaria as tarifas de importação de uma ampla gama de produtos e evitaria a chamada fronteira “dura” entre a Irlanda e a Irlanda do Norte em caso de uma saída sem acordo, de acordo com a Reuters.

Nos mercados asiáticos, o dia foi de perdas, numa altura em que crescem as preocupações com o crescimento global, segundo analistas da Bloomberg. A bolsa de Xangai, principal praça financeira da China, fechou a cair 1,09%, para 3.026,95 pontos. Shenzhen, a segunda praça financeira do país, recuou 2,53%, para 9.592,06 pontos. O principal índice da bolsa de Tóquio, o Nikkei, desceu 0,99%, no fecho, para os 21.290,24 pontos. Também o segundo índice de referência, o Topix, perdeu 0,84%, nas últimas transações do dia, cotando-se nos 1.592,07 pontos.

Uma nota também para os preços do petróleo nos mercados internacionais. O Brent do Mar do Norte, negociado em Londres e referência para as importações nacionais, sobe 0,45% para os 66,97 dólares por barril. O West Texas Intermediate, negociado em Nova Iorque, cresce 0,65% para 57,24 dólares por barril.

Notícia atualizada pela última vez às 8:31

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
João Lousada no deserto de Omã como astronauta análogo, em 2018

João Lousada. Conheça o primeiro português a liderar a Estação Espacial

João Lousada no deserto de Omã como astronauta análogo, em 2018

João Lousada. Conheça o primeiro português a liderar a Estação Espacial

Fotografia: REUTERS/Henry Nicholls - RC122C9DD810

Cartas de Boris Johnson causam surpresa e perplexidade em Bruxelas

Outros conteúdos GMG
Lisboa acorda no verde, contrariando sentimento da Europa