Mercados

PSI20 fecha a subir 0,45% em linha com o resto da Europa

Fotografia:  EPA/ANDY RAIN
Fotografia: EPA/ANDY RAIN

O principal índice da bolsa portuguesa (PSI20) encerrou a sessão de hoje a crescer 0,45% para 5.196,28 pontos

O principal índice da bolsa portuguesa (PSI20) encerrou a sessão de hoje a crescer 0,45% para 5.196,28 pontos, acompanhando a tendência positiva da maioria dos mercados europeus de referência.

Das 19 cotadas que integram o PSI20, nove subiram, uma ficou inalterada e as restantes nove desceram.

A Ibersol registou a maior subida do dia (1,76% para 14,455 euros), seguida pelo BCP (1,63% para 0,23 euros), pela EDP (1,37% para 3,246 euros) e pelos CTT (1,14% para 5,244 euros).

Seguiram-se-lhes a EDP Renováveis (0,44% para 6,854 euros), a Sonae (0,31% para 0,963 euros), a Pharol (0,31% para 0,322 euros), a REN (0,18% para 2,80 euros) e a Jerónimo Martins (0,15% para 16,75 euros).

O Montepio Geral fechou o dia inalterado nos 0,995 euros.

Do lado das quedas, a Navigator esteve em destaque (-1,08% para 3,651 euros), seguida pela Corticeira Amorim (-0,79% para 11,355 euros), pela Mota-Engil (-0,47% para 2,35 euros), pela Semapa (-0,38% para 15,62 euros), pela Altri (-0,37% para 3,73 euros) e pela Galp Energia (-0,36% para 13,845 euros).

A Sonae Capital (-0,26% para 0,765 euros), a Novabase (-0,03% para 3,207 euros) e a Nos (-0,02% para 5,369 euros) fecharam o lote das perdas.

Refira-se que a Impresa, dona da SIC, Expresso e Visão, entre outros títulos, encerrou a sessão de hoje no PSI Geral com o pior desempenho de todas as cotadas da bolsa portuguesa, recuando quase 5% para 0,307 euros.

Isto, depois de ter admitido, na quarta-feira, que um “reposicionamento estratégico da sua actividade, que passa pela aposta “nas componentes do audiovisual e do digital”, pode levá-la à venda de publicações que tem em portefólio.

No resto da Europa, entre as principais bolsas, o dia também foi positivo, com os ganhos a variarem entre os 0,05% de Frankfurt e os 0,33% de Londres. Paris foi a exceção, ao descer leves 0,04%.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
O governador do Banco de Portugal, Carlos Costa. (Fotografia: Mário Cruz/ Lusa)

Carlos Costa: “Não participei nos 25 grandes créditos que geraram perdas” à CGD

Pedro Granadeiro / Global Imagens

Reclamações. Anacom acusa CTT de divulgar informação enganosa

Paulo Macedo, presidente da CGD

CGD cumpre “com margem significativa” requisitos de capital do BCE

Outros conteúdos GMG
Conteúdo TUI
PSI20 fecha a subir 0,45% em linha com o resto da Europa