Futebol

Sporting diz que não houve pedidos de rescisões nem suspensões

Bruno de Carvalho, presidente do Sporting CP e da SAD do clube de Alvalade. Fotografia: Filipe Amorim / Global Imagens
Bruno de Carvalho, presidente do Sporting CP e da SAD do clube de Alvalade. Fotografia: Filipe Amorim / Global Imagens

O regulador do mercado de capitais exigiu esclarecimentos aos verde e brancos sobre o impacto dos incidentes desta terça-feira.

A SAD do Sporting garantiu ao regulador do mercados de capitais que não houve jogadores a pedir a rescisão por justa causa dos incidentes desta terça-feira. E garantiu que não existem suspensões na equipa profissional e na equipa técnica.

“Não foi manifestada qualquer intenção de rescisão dos contratos de trabalho por parte de qualquer jogador da equipa principal de futebol profissional”, diz a SAD liderada por Bruno de Carvalho num esclarecimento pedido pela CMVM. O Sporting adiantou ainda que “não há qualquer suspensão ou rescisão do vinculo laboral de qualquer dos elementos da equipa técnica do plantel principal de futebol profissional”.

Após as agressões a jogadores e equipa técnica esta terça-feira na Academia de Alcochete, foi noticiado que haveria futebolistas dos verde e brancos a estudar formas de rescindir unilateralmente com o clube.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Jan de Pooter, CEO Tranquilidade (Foto: Filipa Bernardo/ Global Imagens)

Tranquilidade vende posição na Europ Assistance

Fotografia: Adelino Meireles/Global Imagens

Número de desempregados inscritos no IEFP em mínimos de 16 anos

Vieira da Silva, ministro do Trabalho, da Solidariedade e da Segurança Social.  Foto: Tiago Petinga/LUSA

Economia garante aumento real para 80% das pensões em 2019

Outros conteúdos GMG
Sporting diz que não houve pedidos de rescisões nem suspensões