Brand Story

Banguecoque: entre os negócios e o prazer

imagem_abertura_Emirates-Banguecoque

Capital da Tailândia, centro financeiro e empresarial do país, Banguecoque é uma das cidades mais povoadas do mundo. Aqui, chegam empresários vindos de todos os continentes, em busca de oportunidades de negócio num mercado com sede de inovação. Mas existe uma forma ideal para percorrer a distância que separa o ocidente do oriente e levar negócios a bom porto, que se distingue pelo seu elevado conforto: a Classe Executiva da Emirates.

Com pratos inspirados na gastronomia regional, um sistema de entretenimento a bordo que já recebeu prémios, chamado ice, bancos/cama totalmente reclináveis para viajar com todo o conforto, ligação wi-fi para quem nunca pode estar “desligado” e serviço de cortesia Chauffeur-drive de e para o aeroporto, a distância torna-se curta.

Adicionalmente, o lounge a bordo dos A380 da Emirates permite momentos de descontração e convívio com os seus companheiros de viagem, enquanto acumula milhas aéreas a caminho de Banguecoque.

imagem_central_Emirates-Banguecoque

Afinal, em 2017, no ranking global StartUp City Index, publicado pela companhia britânica PeoplePerHour, a cidade foi considerada a sétima melhor do mundo (e a melhor da Ásia) para startups, tendo em conta critérios como a facilidade para começar uma empresa, o custo de vida e de um espaço de trabalho e, claro, a qualidade de vida. É que nem tudo são negócios e Banguecoque tem opções de sobra para quem procura divertir-se – tendo sido, inclusive, classificada como a cidade mais popular entre turistas internacionais em 2017, na lista anual da Mastercard.

É esse equilíbrio entre negócios e prazer que torna Banguecoque tão especial. Mais de duas dezenas de rooftops incríveis, como o Vertigo, no Banyan Tree, ou o Sky Bar, na Lebua State Tower, são lugares privilegiados para descontrair e fazer contactos, entre cocktails com vista para a cidade. Também os restaurantes, muitos e muito bons – 17 deles estrelados pelo guia Michelin – podem fazer as vezes de escritório e servir de palco a reuniões, literalmente, bem temperadas. E para terminar a noite, não faltam discotecas e bares onde celebrar a concretização de um negócio, ao melhor estilo de Banguecoque.

É a marca de conteúdos produzidos por
Desenhados para inspirar e criar uma maior proximidade entre os leitores e as marcas.
Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje

Página inicial

Página inicial

REUTERS/Stephen Lam/File Photo

Moedas como Libra do Facebook podem diminuir poder dos bancos centrais

Outros conteúdos GMG
Banguecoque: entre os negócios e o prazer