Brand Story

Primeira loja de auto-serviço do Continente já abriu no Via Catarina Shopping

Continente/Bom Dia. Fotografia:  Igor Martins / Global Imagens
Continente/Bom Dia. Fotografia: Igor Martins / Global Imagens

Grupo vai abrir este ano mais quatro lojas 'Bom Dia' de conveniência nos centros urbanos

A primeira loja de auto-serviço do Continente Bom Dia abriu ontem as portas no Via Catarina Shopping, na rua de compras mais cobiçada do Porto, para explorar o conceito de proximidade e de conveniência. E vai oferecer um desconto de 10% no valor das compras realizadas até sábado.

“Esta loja, que assenta na compra rápida e autónoma, sem secções de atendimento, vai funcionar como piloto”, explica o diretor de operações do Continente Bom Dia, Amaro Amaral.

A empresa de distribuição do Grupo Sonae prevê abrir mais estabelecimentos do género nos centros de Lisboa, Oeiras, Cascais e no Porto, indicou aquele responsável, manifestando, nesta fase, uma clara opção pelas áreas metropolitanas. É uma estratégia comercial que aposta em “pelo menos mais quatro lojas até final do ano”, estimou Amaro Amaral.

A nova loja Continente Bom Dia Via Catarina Shopping, na Rua de Santa Catarina, surgiu também “para dar resposta ao crescimento do turismo no Porto, que criou novas necessidades”, admitiu o diretor de operações. Se é verdade que as lojas Bom Dia nasceram já em 2011 com a preocupação de trazer uma versão mais pequena do hipermercado para as cidades, “os consumidores urbanos atuais querem ainda mais proximidade, bem como poder fazer as compras a pé, sem necessidade do carro”.

É a pensar nas novas exigências dos consumidores urbanos que surgiu esta loja, que tem também a particularidade de usar uma tecnologia inovadora para a refrigeração, que não é agressiva para a camada do ozono, explica o responsável.

Respeitando o compromisso ambiental do Continente, também ao nível da eletricidade, as lâmpadas usadas no novo estabelecimento são 100% LED. O Continente assinou, aliás, um contrato de empréstimo com o Banco Europeu de Investimento que irá permitir a instalação de tecnologias para uma gestão de energia mais eficiente e renovação dos sistemas de refrigeração nas suas instalações.

Com uma área de 650 m2, “a nova loja do Porto, promete manter a mesma qualidade e diversidade de produtos, bem como os mesmos descontos em vigor nos restantes hipermercados”, mesmo que num espaço menor, garante o seu diretor de operações.

“Acreditamos que esta loja vem contribuir para a economia local, com a criação de dezenas de postos de trabalho”, concluiu Amaro Amaral.

É a marca de conteúdos produzidos por
Desenhados para inspirar e criar uma maior proximidade entre os leitores e as marcas.
Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Lisboa, 16/07/2019 - Decorreu hoje parte de uma reportagem sobre, empregos criados pelas empresas de partilha de veículos em Portugal..
Acompanhamos a recolha, carregamento e reparação das trotinetes partilhadas da Circ.

(Orlando Almeida / Global Imagens)

Partilha de veículos dá emprego a mais de 500 pessoas

Lisboa, 16/07/2019 - Decorreu hoje parte de uma reportagem sobre, empregos criados pelas empresas de partilha de veículos em Portugal..
Acompanhamos a recolha, carregamento e reparação das trotinetes partilhadas da Circ.

(Orlando Almeida / Global Imagens)

Partilha de veículos dá emprego a mais de 500 pessoas

António Mexia, CEO da EDP. Fotografia: REUTERS/Pedro Nunes

Saída de clientes da EDP já supera as entradas

Outros conteúdos GMG
Primeira loja de auto-serviço do Continente já abriu no Via Catarina Shopping