Afinal já não vai ter de pagar pela actualização do Whatsapp

ng3096689

Talvez não tenha de pagar por uma actualização do Whatsapp. Depois da confusão gerada na semana passada, com a ideia de que após um ano a aplicação se tornaria paga e da fuga de utilizadores, a marca vai rever o conceito de utilização e realizar uma nova versão gratuita.

A aplicação que revolucionou o
conceito de mensagens de texto estava a enviar mensagens aos seus
utilizadores da necessidade de 0,99 dólares anuais para uma
actualização em todos os sistemas operativos, excepto para iOS
porque já é paga aquando do download.

A informação gerou uma onda de
contestação pela rede e foram vários os utilizadores que se
negaram a pagar pelo serviço, apagando a aplicação. Esta situação
leva a que os gestores da Whatsapp estejam a rever a sua estratégia.

Segundo o website especializado
ADSLZone, a empresa decidiu estender as licenças durante tempo
indeterminado para travar a fuga dos utilizadores para outras
aplicações idênticas.

Enquanto não se sabe se a decisão
será permanente, na Internet já circulam inúmeros tutoriais que
ensinam a contornar o pagamento e que permitem uma actualização
imediata. Os utilizadores que optarem por pagar têm um ano sem
cortes ou novas advertências de pagamento.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
António Costa e Silva, responsável pelo plano para a economia nacional nos próximos dez anos.
(Leonardo Negrão / Global Imagens)

Plano de Costa Silva. As bases estão lá, falta garantir boa execução

Filipe Santos, dean da Católica Lisbon Business and Economics ( Pedro Rocha / Global Imagens )

Filipe Santos: Risco de austeridade? “Depende de como evoluir a economia”

Filipe Santos, dean da Católica Lisbon Business and Economics ( Pedro Rocha / Global Imagens )Filipe Santos
( Pedro Rocha / Global Imagens )

Filipe Santos: Há um conjunto de empreendedores que vai continuar

Afinal já não vai ter de pagar pela actualização do Whatsapp