App O meu filho é gay? gera polémica em França

Uma aplicação disponível no Android Market está a gerar polémica em França.

O meu filho é gay? é uma app destinada às mães que querem saber se o seu filho é gay, resposta que promete dar em 20 perguntas como “Ele gosta de vestir-se bem?” ou “Ele tem uma melhor amiga”.

“É um instrumento idiota e odioso, com perguntas caricaturais” considera Louis-Georges Tin, do Comité Idaho (International day against homophobia & trans), citado pela AFP. “Se a criança é gay é a catástrofe, se não é, é o alívio”, o que para Louis-Georges Tin é um instrumento de ataque aos homossexuais.

Para Christine Le Doaré, do Centre LGBT, a app não passa de algo “estúpido e escandaloso”. “É triste que estes pais prefiram descarregar uma aplicação do que falar com os seus filhos”, diz.

O Google France esclareceu que as aplicações presentes no Android Market não são filtradas a priori. A mesma, dizem, é uma “plataforma aberta para que os developpers possam publicar as suas aplicações de forma fácil e rápida”. As apps são analisadas após denúncia pela equipa do Google, “o que é o caso desta aplicação”, não adiantando, no entanto, quando é que a mesma iria ser retirada do Android Market.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Lear Corporation

Há mais de 800 mil portugueses a trabalhar por turnos

Alexandra Leitão, ministra da Modernização do Estado e da Administração Pública. (António Pedro Santos / Lusa)

Governo vai reservar verba para financiar pré-reformas no Estado

Rui

“Se Rui Rio ganhar as eleições do PSD este Governo dura quatro anos”

Outros conteúdos GMG
App O meu filho é gay? gera polémica em França