Cannes Lions. Leo Burnett chega a finalista em Branded Content

ng3094405

A Exposição que nãoDevia Existir garantiu à Leo Burnett um lugar nos finalistas em Branded Content, no Cannes Lions.

É a primeira vez que Portugal chega a finalista na categoria, lançada no festival de publicidade desde 2012. Na categoria havia seis inscrições nacionais, de um total de 968.

A campanha criada para a ONG Control Arms já tinha chegado a finalista em Relações Públicas, mas acabou por não subir a Leão.

Saiba mais sobre a campanha aqui

Em Titanium as agências nacionais não foram finalistas. Havia apenas duas incrições nesta categoria. De um total de 437, apenas 30 chegaram a shortlist.

Com os resultados hoje conhecidos, Portugal mantém-se na corrida aos Leões em duas categorias: Branded Content e Filme.

Nesta última está Uma Pequena Demonstração, d’O Escritório. A campanha para o Windows 8 foi, até ao momento, o único Leão conquistado por uma agência nacional no festival.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Dos blueprints  dos primeiros automóveis, ao topo dos carros elétricos atuais, de elon Musk, em homenagem, a Nikolas Tesla.
Ilustração: VITOR HIGGS

Automóvel. Em 20 anos do euro mudou tudo, menos a carga fiscal e o líder

João Vieira Lopes, presidente da Confederação do Comércio e Serviços.
(Jorge Amaral/Global Imagens)

Vieira Lopes: “Metas do governo são realistas mas é preciso investimento”

A EDP, liderada por António Mexia, vai pagar o maior cheque de dividendos da bolsa nacional.

PSI20. Menos lucros mas o mesmo prémio aos acionistas

Outros conteúdos GMG
Conteúdo TUI
Cannes Lions. Leo Burnett chega a finalista em Branded Content