Hotelaria e Restauração

Chef Vítor Matos na cozinha do ANTIQVVM

O antigo Solar do Vinho do Porto recebe um novo espaço de restauração
O antigo Solar do Vinho do Porto recebe um novo espaço de restauração

ANTIQVVM é o mais recente projeto de restauração da Invicta. No antigo Solar do Vinho do Porto, com uma vista soberba sobre o Rio Douro, nasce o casamento perfeito entre uma seleção de vinhos da Região com a assinatura do sommelier António Lopes e a reinterpretação arrojada da gastronomia tradicional portuguesa pela mão exímia do Chef Vítor Matos.

Num edifício emblemático da cidade, a História e o requinte sentam-se à mesma mesa para degustações com live cooking e paladares recheados de tradição e temperados com apontamentos de autor. Uma carta que se redefine diariamente permite saborear pratos clássicos da cozinha portuguesa com uma pitada de modernidade, salientando sempre os produtos frescos, as tendências sazonais e a redescoberta de paladares únicos através de “ensaios sensoriais” by Chef Vítor Matos.

Depois do Solar do Vinho do Porto, a Quinta da Macieirinha conhece uma nova configuração e acolhe o ANTIQVVM, onde os vinhos continuam a ter forte expressão: uma garrafeira com espaço de provas exibe várias referências de vinhos nacionais de todas as regiões, espumantes nacionais e champagnes e alguns dos nomes maiores das casas de Vinho do Porto.

Com um ambiente requintado e acolhedor, o ANTIQVVM resulta de um projeto de arquitetura com a chancela de Pedro Macedo e design de interiores de Francisco Neves. Dispõe de cerca de 70 lugares e propõe almoços executivos, para além de apresentar uma carta de tapas e serviço de bar, ideal para desfrutar na esplanada integrada num dos mais bonitos jardins românticos da cidade.

Ao jantar, o prazer e a emoção tomam conta dos sentidos numa viagem que tem como ponto de partida a criatividade e como porto de chegada algumas das mais improváveis harmonizações com vinhos do Porto. No ANTIQVVM, o legado é antigo mas o cunho é de renovação.

Ao longo dos seus quase 20 anos de carreira, Vítor Matos foi jurado em vários concursos e orador convidado em diversos congressos e seminários. Enquanto cozinheiro conquistou várias distinções, entre as quais se destacam os títulos de Chefe Cozinheiro do Ano 2003 (Edições do Gosto), Chefe de Cozinha do Ano 2013 (Prémios Revista WINE), Melhor Cozinheiro de Portugal 2014 (Prémios Arco Atlântico Gastro) e o ” Prix Chefs de l”Avenir” 2011 da Académie Internacional de Gastronomie, Paris.

Enquanto líder da cozinha do Largo do Paço teve várias distinções, entre quais se destacam dois Sois no Guia Repsol, uma estrela no Guia Michelin, “Garfo D”Ouro” do Guia Boa Cama Boa Mesa do Expresso, Certificado de Excelência 2014 pelo TripAdvisor, e o título de Melhor Restaurante da Europa, pelo Guia The European 50 Best.com.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
Mário Centeno 
(EPA-EFE/PATRICIA DE MELO MOREIRA)

Lentidão nos reembolsos fazem disparar IRS em plena crise

Fotografia: José Sena Goulão/Lusa

Costa. Plano de rotas da TAP “não tem credibilidade”

portugal covid 19 coronavirus

1342 mortos e 31007 casos confirmados de covid-19 em Portugal

Chef Vítor Matos na cozinha do ANTIQVVM