Depois de tributo a Jobs, estudante chinês contratado pela Coca-Cola

Coca-Cola Mãos Grand Prix em Outdoor
Coca-Cola Mãos Grand Prix em Outdoor

Duas mãos no formato da tira icónica da Coca-Cola ligadas por uma garrafa do refrigerante.

A imagem, a ser exibida em outdoors pela cidade de Shangai, na China, tem a particularidade de ter sido criada por Jonathan Mak Long, o estudante de Hong-Kong que, em agosto passado, criou a imagem tributo a Steve Jobs, quando ele se afastou da direção da Apple. A imagem tornou-se viral quando o estudante de design republicou-a no seu blogue em outubro, logo após a morte de Jobs, espalhando pela rede a imagem que mostra a silhueta do fundador da Apple como parte da dentada da maçã.

A mesma simplicidade foi agora aplicada à imagem criada para a Coca-Cola. “Toda a gente está a reagir numa lógica de ‘Uau, esta é uma abordagem diferente e intrigante a uma imagem tão icónica e tão familiar’. Só por isso envolve as pessoas. Claro que a mensagem de relações e amizade com a marca no centro passa muito bem”, comenta Stephen Drummond, director de conteúdos e excelência criativa da Coca-Cola Ásia Pacífico, citado pela Ad Age.

O convite para desenhar a imagem, parte da campanha Open Happinness, surgiu da Ogilvy & Mather China. O diretor criativo da agência, Graham Fink, tinha testemunhado numa visita a Londres o impacto da imagem da Apple/Jobs e quis conhecer o autor. A hipótese de colaboração surgiu em fevereiro.

Neste momento o design só é visível no mercado chinês, mas poderá ser usado fora deste território, embora essa hipótese não seja confirmada pela marca.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Foto: DR

Galaxy Note7 já esgotou mas ainda não está à venda

Centro de Emprego. Fotografia: José Carmo/Global Imagens

Portugal é dos países que mais baixa o desemprego à custa de inativos

Superbosses. Fotografia: D.R.

Liderança. Estes são os melhores chefes

Aeroporto de Lisboa

Vai viajar este sábado? Chegue mais cedo ao aeroporto

Hillary Clinton e Donald Trump vão disputar presidência dos Estados Unidos a 8 de novembro. Fotografia: REUTERS/Dominick Reuter

Hillary ou Trump? Facebook sabe que político prefere

arranjar emprego

Gig economy. A nova moda do mercado laboral não serve a Portugal

Conteúdo Patrocinado
Depois de tributo a Jobs, estudante chinês contratado pela Coca-Cola