Duas vilas estavam separadas por uma montanha. Um homem resolveu o problema com martelo e cinzel

A carregar player...
Duas vilas estavam separadas por uma montanha. Um homem resolveu o problema com martelo e cinzel

Duas pequenas vilas indianas encontram-se a pouco mais de um quilómetro de distância. Todos os dias, os habitantes de uma deslocam-se à outra para aceder a escolas, aos empregos, aos médicos e a tudo o que necessitam para o dia a dia. Problema: as vilas estão separadas por uma montanha que obriga a dar uma volta de mais de 72 quilómetros, ou a escalá-la. Solução: abrir um caminho.

Foi isto que fez um homem, depois de a sua mulher ter ficado ferida ao tentar escalar a montanha. Sozinho, pegou num martelo e num cinzel e escavou um caminho entre a montanha. Demorou 22 anos.

A história é contada pelo site Upworthy, que explica que, todos os dias, Dashrath Manjhi trabalhou das 4h da manhã às 13h, para construir uma estrada que atravessa a montanha de uma ponta à outra.

Dashrath Manjhi morreu em 2007, antes de conseguir completar o trabalho, mas os seus amigos continuaram – e continuam, até hoje – a obra.

2

Hoje, a estrada, que foi construída a 7 metros de altura, tem 9 metros de largura e 110 metros de comprimento.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
O ministro das Finanças, Mário Centeno. Fotografia: MIGUEL A. LOPES/LUSA

Governo reconhece progressões a 344 mil trabalhadores, pelo menos

Faria de Oliveira, presidente da APB

APB garante que bancos vão refletir Euribor negativa nos créditos à habitação

Donald Trump, Presidente dos Estados Unidos. REUTERS/Leah Millis

Trump põe tudo na mesa. Parada na guerra com China sobe para 500 mil milhões

Outros conteúdos GMG
Duas vilas estavam separadas por uma montanha. Um homem resolveu o problema com martelo e cinzel