publicidade

É o Euromilhões. Jogos Santa Casa já escolheu a agência de pub

euromilhoes-Namorada

O concurso previa um contrato de três anos e um bolo global de 18 milhões. Nova agência vai gerir publicidade institucional e dos jogos Santa Casa

Os Jogos Santa Casa já escolheram a agência de publicidade que vai criar as campanhas offline de jogos como o Euromilhões, o Placard ou as lotarias. No relatório preliminar do concurso, foi a agência Fuel que obteve a melhor classificação do júri do concurso, apurou o Dinheiro Vivo. A Fuel ganha um contrato de três anos para desenvolver a comunicação dos Jogos Santa Casa. Um concurso com um bolo global de 18 milhões de euros.

Os Jogos Santa Casa não comentam esta informação. “Informa-se que, no âmbito do concurso limitado por prévia qualificação para aquisição de serviços de agência criativa nos meios offline para o Departamento de Jogos da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa, encontra-se a decorrer o prazo para apreciação de pronúncias dos concorrentes, por parte do Júri do procedimento”, diz fonte da assessoria de imprensa da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa.

A não ser que aconteça algum volte-face nas classificações após a receção e análise dos comentários das agências que participaram no concurso ou contestação judicial da decisão do júri, será a Fuel a assegurar nos próximos anos a comunicação de jogos como o Euromilhões, o Placard, a Raspadinha ou as Lotarias.

A agência reforça assim a sua ligação aos Jogos. No último concurso a agência dirigida por Miguel Barros tinha sido uma das vencedoras, tendo dividido a conta dos Jogos Santa Casa com a Havas Worldwide. Esta última ficou a comunicação institucional e lotarias, e a Fuel com a dos restantes jogos, como Euromilhões, Totobola, Totoloto, Joker, Raspadinhas.

Mas no concurso deste ano, os Jogos Santa Casa optaram por concentrar em apenas uma agência toda a comunicação, tendo aumentado em 33% o montante anual alocado à comunicação dos jogos: de 4,15 milhões para 6 milhões, tal como avançou em junho o Dinheiro Vivo. Uma subida justificada pela Santa Casa. O maior budget pressupõe “a necessidade do departamento de Jogos da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa ajustar a sua estratégia de comunicação face ao novo contexto concorrencial e ao maior número de produtos/marcas do portfólio Jogos Santa Casa, decorrente do lançamento do Placard (em setembro do ano passado), mas também de outros jogos sociais que possam, eventualmente, vir a ser lançados”, justificou em junho fonte oficial.

A Santa Casa, recorde-se, está a preparar a sua candidatura aos jogos online, tendo no entretanto, já lançado novos jogos ligados às apostas do Euromilhões, caso de M1lhão. Ainda sobre o valor orçamentado, serão pagos “apenas os bens e serviços efetivamente encomendados” não estando a Santa Casa “obrigada a atingir o valor máximo adjudicado”, clarificou a mesma fonte.

Onze agências participaram há três anos no concurso. Este ano, ao que foi possível apurar, apresentaram proposta pelo menos oito: Fuel, Havas, BBDO, J Walter Thompson, Ogilvy & Mather, FCB, grupo LAP/Publicis One, Young & Rubican.

Fora deste concurso está a publicidade digital, atualmente, nas mãos da Fullsix.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Ministro das Finanças de Angola, Archer Mangueira. Fotografia: Direitos Reservados

Archer Mangueira garante solução para dívida a empresas até final do ano

Angola

Construtoras querem solução para problemas das dívidas de Angola

António Costa, primeiro-ministro, e Mário Centeno, ministro das Finanças, num debate parlamentar sobre o OE2019. Fotografia: REUTERS/Rafael Marchante

Outras touradas do Orçamento: as medidas mais arriscadas

Outros conteúdos GMG
É o Euromilhões. Jogos Santa Casa já escolheu a agência de pub