Tecnologia

Conheça o satélite que ligou o mundo há 57 anos e inspirou Star Wars

Telstar 1
Telstar 1

Há muitos momentos emblemáticos na história da televisão. Tudo mudou há 57 anos, quando os conteúdos passaram a ser transmitidos via satélite e existe um dia que se destaca nesta longa história: 10 de julho de 1962.

Foi neste dia que satélite de comunicações Telstar 1 começou a fazer história. Foi lançado precisamente há 57 anos a bordo do foguetão Delta da NASA e colocado numa órbita que previa um período de transmissão de 20 minutos por cada órbita. O Telstar permitiu retransmitir o primeiro sinal de televisão transatlântico da história.

Deveria ter sido o presidente dos EUA, John F. Kennedy a assinalar o momento histórico de comunicações numa conferência de imprensa transatlântica, mas o sinal de transmissão foi iniciado antes de JFK estar pronto, daí que a primeira imagem humana transmitida através do Atlântico até seja do jogador de beisebol Ernie Banks. Para aproveitar, depois o tempo morto, os produtores usaram uma transmissão de TV de um jogo de beisebol entre os Philadelphia Phillies e os Chicago Cubs, no Wrigley Field.

Telstar_image4

O Telstar foi o produto de uma colaboração internacional para impulsionar o desenvolvimento de comunicações via satélite. NASA, AT & T, Bell Labs e os correios nacionais franceses e britânicos foram todos incluídos, com a Bell Labs a desenvolver a construção final.

O Telstar era um satélite esférico (que inspirou a Estrela da Morte, da saga Star Wars) repleto de painéis solares e com vários transistores. Usou ainda uma antena helicoidal para receber sinais da estação terrestre, que foram então amplificados e retransmitidos para a principal estação recetora no sul da Inglaterra.

Na infografia seguinte pode ver como é este dia se tornou aquele em que a TV se tornou global, graças ao poder dos satélites.

O dia em que a televisão se tornou global
Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Lisboa, 16/07/2019 - Decorreu hoje parte de uma reportagem sobre, empregos criados pelas empresas de partilha de veículos em Portugal..
Acompanhamos a recolha, carregamento e reparação das trotinetes partilhadas da Circ.

(Orlando Almeida / Global Imagens)

Partilha de veículos dá emprego a mais de 500 pessoas

Lisboa, 16/07/2019 - Decorreu hoje parte de uma reportagem sobre, empregos criados pelas empresas de partilha de veículos em Portugal..
Acompanhamos a recolha, carregamento e reparação das trotinetes partilhadas da Circ.

(Orlando Almeida / Global Imagens)

Partilha de veículos dá emprego a mais de 500 pessoas

António Mexia, CEO da EDP. Fotografia: REUTERS/Pedro Nunes

Saída de clientes da EDP já supera as entradas

Outros conteúdos GMG
Conheça o satélite que ligou o mundo há 57 anos e inspirou Star Wars