incubadora de empresas

Lisboa vai ter duas novas incubadoras de empresas e um laboratório de protótipos

Portugal regressa aos mercados
Portugal regressa aos mercados

Sem precisar de financiamento extra, a
Câmara Municipal de Lisboa prepara-se para abrir mais duas
incubadoras de empresas e um laboratório de prototipagem. A Start-Up
Lisboa 2 será lançada a 28 de novembro na Rua Castilho e o Lab vai
aparecer ao lado da Cidade Universitária no início de 2013.

“Temo-nos focado no desenvolvimento
de projetos para fomentar um ambiente de Lisboa como cidade de
start-ups”, explicou Graça Fonseca, vereadora da economia da
Câmara Municipal de Lisboa, durante o evento “Silicon Valley
comes To Lisbon”, que decorreu ontem na Culturgest.

Até agora, a Start-up Lisboa incubou
42 empresas e criou 142 postos de trabalho. Foi criada em parceria
com o Montepio e o IAPMEI, depois de vencer a votação do Orçamento
Participativo em Lisboa. A vereadora explica ao DN/Dinheiro Vivo que
este segundo tem capacidade para 30 empresas e estará mais virado
para projetos na área do comércio e serviços. Ficará instalado
num piso cedido pela União de Associações do Comércio e Serviços.

Já no primeiro trimestre de 2013
abrirá uma terceira incubadora com capacidade para 190 lugares, na
Avenida das Forças Armadas, numa parceria com a Gulbenkian, ISCTE e
EPUL. Para complementar as incubadoras, a CML está a últimar a
abertura de um laboratório no mercado municipal Forno do Tijolo, com
espaços para os empreendedores trabalharem e colaborarem e ainda
materiais para fazerem protótipos das suas ideias. A Amorim,
Iberomoldes e AIP são os parceiros da Câmara nesta iniciativa.

Também até ao final do ano, será lançado o portal Business
Incubators Portugal, reunindo toda esta informação para facilitar o
acesso de investidores às start-ups portuguesas.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Conteúdo Patrocinado
Lisboa vai ter duas novas incubadoras de empresas e um laboratório de protótipos