Museu Nacional de Arte Antiga vai ter 120 peças no museu de Turim

Museu Nacional de Arte Antiga, em Lisboa
Museu Nacional de Arte Antiga, em Lisboa

Uma exposição com 120 obras de pintura, escultura e artes decorativas de Portugal vai ser inaugurada esta quarta-feira no Museo Civico d’Arte Antica-Palazzo Madama, de Turim, Itália, em parceria com o Museu Nacional de Arte Antiga.

“Tesori dal Portogallo. Architetture Immaginarie dal Medeoevo al Barocco” (“Tesouros de Portugal. Arquitetura Imaginária do Medieval ao Barroco”) vai estar patente naquele museu de Turim até 28 de setembro deste ano.

De acordo com o museu português, na sequência de uma parceria estabelecida com o Museo Civico, foi reunido um conjunto de 120 obras de pintura, escultura e artes decorativas, provenientes do seu próprio acervo e de várias instituições nacionais, públicas e privadas, assim como de coleções particulares portuguesas.

Leia também: Rubens, Brueghel e Lorrain encheram Museu Nacional de Arte Antiga

O Museu Nacional de Arte Antiga (MNAA) considera que este conjunto artístico, a apresentar em Turim, constitui “uma das mais impressivas embaixadas culturais do país nos últimos anos”.

Pintura, escultura, iluminura, ourivesaria, desenhos e tratados compõem uma exposição dividida em sete núcleos, criando uma ponte entre a Idade Média e a contemporaneidade.

Uma pintura de Giovanni Paolo Pannini (1725-50), com uma estátua de Hércules num fundo que simula as ruínas de Roma Antiga, foi a peça escolhida para abrir a mostra em Turim.

A seu lado, fazendo uma ligação para os dias de hoje, vão estar quatro projetos de cinco arquitetos contemporâneos portugueses: Álvaro Siza Vieira, Souto de Moura, Aires Mateus, Carrilho da Graça e João Mendes Ribeiro.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
Vista aérea da Praça dos Restauradores em Lisboa, Portugal, 24 Março de 2020. ANTÓNIO COTRIM/LUSA

A economia entrou em estado de quarentena

Lisboa, 10/05/2019 - Vida do Dinheiro (DN-TSF) - Isabel Furtado, presidente da Cotec e da TMG.
Isabel Furtado
(Gerardo Santos / Global Imagens)

Covid-19: “Medidas têm de ser estratégicas e não apenas imediatas e impulsivas”

Ursula  von der Leyen, presidente da Comissão Europeia. Fotografia: Kenzo Tribouillard/AFP

Comissão Europeia vai rever proposta de orçamento da UE

Museu Nacional de Arte Antiga vai ter 120 peças no museu de Turim