Nike lança jogo virtual que funciona com exercício

Avatar do jogador da NikeFuel Missions
Avatar do jogador da NikeFuel Missions

Chama-se NikeFuel Missions e é o novo jogo
da Nike. Depois de, em janeiro deste ano, a Nilke ter lançado a
Nike+Fuelband, uma pulseira que monitoriza a atividade física,
apresentando estatísticas do atleta, a marca lança agora um jogo que
mistura
exercícios reais com aventura virtual.

No jogo, que necessita do Running App ou produtos
FuelBand, o jogador inicia a sua prova como prisioneiro de um mundo gelado, consistindo o seu
desafio em juntar pontos a partir de atividades físicas para
escapar.

Quanto mais exercícios, mais hipóteses tem o avatar do jogador de evoluir e liderar na competição. A missão conta ainda
com a ajuda de atletas consagrados como Neymar, Calvin Johnson, Alex
Morgan e Allyson Felix.

Depois de logar na conta Nike+, o
utilizador pode escolher o nível de dificuldade (fácil, médio ou difícil)
e recebe a meta de combustível necessário para seguir em frente, explica a Nike no seu jogo.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje

Página inicial

O ministro das Finanças, Mário Centeno (C), acompanhado pelos secretários de Estado, da Administração e do Emprego Público, Maria de Fátima Fonseca (E), dos Assuntos Fiscais, António Mendonça Mendes (2-E), do Orçamento, João Leão (2-D), e do Tesouro, Álvaro Novo (D), fala durante conferência de imprensa sobre a proposta do Orçamento do Estado para 2019 (OE2019), realizada no Salão Nobre do Ministério das Finanças, em Lisboa, 16 de outubro de 2018. Na proposta de OE2019, o Governo estima um crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) de 2,2% no próximo ano, uma taxa de desemprego de 6,3% e uma redução da dívida pública para 118,5% do PIB. No documento, o executivo mantém a estimativa de défice orçamental de 0,2% do PIB no próximo ano e de 0,7% do PIB este ano. RODRIGO ANTUNES/LUSA

Conheça as principais medidas do Orçamento do Estado para 2019

O ministro das Finanças, Mário Centeno (C), acompanhado pelos secretários de Estado, dos Assuntos Fiscais, António Mendonça Mendes (E), do Orçamento, João Leão (2-D), e o Adjunto e das Finanças, Ricardo Mourinho Félix (D), fala durante conferência de imprensa sobre a proposta do Orçamento do Estado para 2019 (OE2019), realizada no Salão Nobre do Ministério das Finanças, em Lisboa, 16 de outubro de 2018. Na proposta de OE2019, o Governo estima um crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) de 2,2% no próximo ano, uma taxa de desemprego de 6,3% e uma redução da dívida pública para 118,5% do PIB. No documento, o executivo mantém a estimativa de défice orçamental de 0,2% do PIB no próximo ano e de 0,7% do PIB este ano. RODRIGO ANTUNES/LUSA

Dos partidos aos sindicatos, passando pelo PR, as reações ao OE 2019

Outros conteúdos GMG
Nike lança jogo virtual que funciona com exercício